Pesquisar
Close this search box.
/
/
Twitter: aliado na hora de encontrar o emprego perfeito

Twitter: aliado na hora de encontrar o emprego perfeito

Justin Rogers era um engenheiro de softwares que decidiu mudar de área. Em vez de apelar para o óbvio LinkedIn, ele preferiu usar o Twitter.  

 

Rogers encontrou ali uma empresa que coloca nativos do inglês em cargos de professores em todo o mundo e arriscou uma mensagem: ?@IEXWorkAbroad Minha esposa e eu estamos pensando seriamente em dar aulas de inglês no exterior. Podemos discutir oportunidades com vocês??. Hoje ele leciona em vários cursos universitários em inglês em Hanoi, no Vietnã. ?No Twitter, as empresas parecem mais dispostas a responder?, afirma o americano do Texas.

Segundo especialistas em carreira, enquanto a maioria das pessoas que buscam um bom emprego precisa de mais de 140 caracteres para conseguir uma vaga, o Twitter tem a vantagem de permitir que seus usuários entrem em contato diretamente com recrutadores e executivos e fiquem sabendo de novas vagas em primeira mão.

No ano passado, 13% das empresas disseram ter usado o Twitter para encontrar novos talentos, de acordo com uma pesquisa feita com 1,6 mil profissionais de recursos humanos pela Jobvite, especializada em sistemas de rastreamento de candidatos. Além disso, o site atrai companhias e executivos que preferem uma ?conversa? rápida do que enviar longos e-mails ou mensagens pelo LinkedIn.

E, segundo o próprio Twitter, o número de usuários ativos por mês vem só aumentando: passou de 54 milhões em 2010 para 288 milhões em 2014. ?Trata-se de uma plataforma incrivelmente não hierárquica?, afirma Joshua Waldman, autor do livro Job Searching with Social Media for Dummies (?Buscando emprego nas redes sociais para leigos?, em tradução literal). ?Você pode ter conversas com executivos sêniores muito mais facilmente pelo Twitter do que por qualquer outra rede social?.

Para Weldman, no Facebook, muitos usuários mantêm sua rede de amigos fechada, dificultando o contato por estranhos, enquanto vários executivos simplesmente não respondem a mensagens no LinkedIn. Multinacionais, como a Disney (@twdcjobs), o Starbucks (@starbucksjobs) e a L?Oreal (@lorealgradjobs), hoje usam recursos específicos do Twitter para anunciar vagas e atrair potenciais candidatos em diferentes regiões do planeta.

Por exemplo, a conta da empresa de consultoria Accenture (@accenture_jobs) faz seus tuítes com a hashtag #joboftheday ou comenta com seus seguidores detalhes dos bastidores do processo de recrutamento.

Quando as empresas avaliam potenciais candidatos, elas também recorrem ao Twitter para tentar conhecer melhor a criatividade e a personalidade de cada um ? algo que não necessariamente transparece em um currículo ou carta de apresentação. ?É importante se colocar mais para o mundo e demonstrar que você usa o Twitter de maneira inteligente?, afirma Waldman.

Veja algumas dicas para usar o Twitter da melhor maneira:

Quando você abre uma conta, precisa criar um perfil e uma pequena biografia. Waldman recomenda usar uma foto que exiba seu rosto e ombros e que seja fácil de ser reconhecida e lembrada por seus seguidores.

? Escreva um perfil que seja profissional, mas também leve. Misturar interesses relacionados à sua carreira com hobbies fora do trabalho pode ajudá-lo a criar um perfil mais marcante.

? Contatar ativamente uma determinada empresa pode ser uma boa ideia, mas certos tipos de tuítes devem ser evitados, como por exemplo contar que se candidatou a uma determinada vaga. ?Você pode mostrar que está animado para trabalhar lá ou demonstrar seu interesse de outra maneira mais casual, mas nunca pergunte sobre como está o andamento do processo de seleção ou da sua candidatura?, recomenda Waldman. ?Se precisar, use a opção de mensagem direta ou o LinkedIn.?

? Para ir diretamente para os empregos certos, use a página de busca do Twitter para encontrar tuítes com hashtags como #carreira, #empregos, #vagas, #contratar etc. Também é possível encontrar vagas para a sua área de atuação ou na cidade onde quer trabalhar usando hashtags mais específicas.

? Plataformas como o Hootsuite ou o TweetDeck facilitam o agendamento de tuítes e mantêm buscas por palavras-chave que você pode consultar diariamente em busca de novas postagens.

? Quando encontrar algo que o interesse, tenha cuidado com o que vai tuitar. Evite mensagens que pareçam desesperadas, e tome alguns minutos para revisar o que escreveu. Não faça comentários sobre tópicos potencialmente polêmicos, como religião ou política.

Além do emprego

O Twitter não serve apenas para buscar vagas de emprego. Apenas o fato de ser manter ativo e se relacionar com outros usuários pode resultar em conexões com altos funcionários daquela empresa na qual você sonha em trabalhar. ?Seja proativo, mas aborde os executivos com calma?, ensina Colin Sloman, diretor da Accenture em Londres e que regularmente encontra pessoalmente candidatos que se apresentaram pelo Twitter.

Um bom começo, segundo ele, é retuitar um comentário que o agradou, em vez de falar diretamente com aquela pessoa. Alguns dias depois, comente algum tuíte daquele usuário e puxe uma conversa online, por exemplo alertando-o sobre alguma reportagem relevante ou algo que tenha a ver com o seu setor de atuação.

Observe os tuítes, as conversas e as contas que aquele usuário segue para ter uma ideia de assuntos para introduzir uma conversa. Se o diálogo for positivo, você pode chamá-lo para se conectar no LinkedIn e continuar por e-mail. ?Mas sempre peça permissão formal da pessoa antes disso?, recomenda Waldman.

De acordo com o especialista, desenvolver uma relação inicial de trabalho pelas redes sociais leva em torno de uma a duas semanas.

 

* Com informações da BBC

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]