Pesquisar
Close this search box.
/
/
A tecnologia como solução para inovar em meio à crise

A tecnologia como solução para inovar em meio à crise

“Plataformas digitais viraram um oásis para aqueles que estavam com dificuldades para resolver problemas cotidianos”, diz fundador da GetNinjas

O ano de 2020 trouxe um panorama inédito ao cenário mundial: a pandemia carregou consigo uma sensação generalizada de medo, insegurança e dificuldade em analisar as perspectivas futuras dentro do mercado. Cabe, então, às empresas usar da tecnologia para encontrar novas expertises e caminhos inovadores para não apenas sobreviver, mas prosperar em meio à crise. 

Nesse cenário, surgem as questões: como a tecnologia pode auxiliar empresas a contornarem momentos difíceis? Como tornar essa análise automatizada mais humanizada, levando-se em consideração os anseios e sentimentos de clientes e colaboradores? E, principalmente: como os avanços tecnológicos podem ajudar a encontrar alternativas inovadoras em meio a momentos de incerteza?

Esse tema foi abordado no CONAREC 2020, em conversa mediada por Maximiliano Jacomo, coordenador do curso de MBA em cibersegurança no IGTI (Instituto de Gestão e Tecnologia da Informação), com a participação de Eduardo L’Hotellier, fundador e CEO do GetNinjas; Alexandre Liuzzi, co-fundador e diretor de estratégia na Remessa Online e Milton Biral Filho, head de contact center & virtual channels na EDP. 

Maximiliano enxerga a tecnologia como peça essencial na transformação de novos negócios:  “Mesmo com as dificuldades da pandemia, as oportunidades vieram. A tecnologia tem esse papel importante: transformar um modelo de negócio tradicional em uma operação virtual, capaz de alcançar novos horizontes e explorar novos mercados”.

Migração para o digital

A migração para o universo virtual, porém, ainda é um processo gradual e exige calma. Milton Biral Filho acredita que ainda existam empecilhos culturais e estruturais que devem ser considerados: “No Brasil ainda existe uma cultura muito grande de atendimento via canais presenciais, e com o isolamento social a demanda pelos call centers aumentou muito. Levamos nossos atendentes de SAC para trabalhar dentro de casa pela primeira vez: saímos de um ambiente protegido, onde tudo tem redundância, e os levamos para um lugar onde há dificuldades como a falta de energia ou a oscilação na qualidade da internet”, conta. 

Alexandre Liuzzi acredita que o crescimento do Remessa Online durante a pandemia – a empresa atingiu recordes de operações nos meses de abril e julho – se deu pela habilidade de transacionar um processo que antes era manual ao ambiente virtual, e que isso é capaz de abrir novos horizontes e criar oportunidades mesmo em meio à crise.

Capacitação de funcionários

Naturalmente, para que a empresa seja capaz de inovar e mergulhar de cabeça no mundo digital é preciso que haja uma capacitação no corpo de funcionários, e que os colaboradores sintam-se confortáveis com as novas dinâmicas de procedimentos. Sobre isso, Milton Brial conta: 

“À medida que se implementa tecnologias digitais, cada vez mais começamos a migrar serviços de baixa complexidade e baixo volume para este modelo de atendimento online, e o atendimento humano fica destinado a serviços mais sofisticados e que exigem intervenções mais apuradas e analíticas. Com isso, identificamos uma oportunidade de preparar o nosso time cada vez mais. Acho que esse é o nosso principal aprendizado com a pandemia: não podemos descuidar desse nosso lado humano.” 

O investimento na capacitação do corpo de funcionários é também essencial para que os colaboradores alinhem-se aos valores da empresa, como afirma Alexandre Liuzzi: “Usamos a tecnologia à nosso favor: com atendimento especializado e processos automatizados conseguimos fornecer uma boa experiência ao cliente. Essa experiência, no final das contas, é o nosso foco principal: uma solução online e que sirva às suas necessidades. E exatamente para atender bem precisamos investir na formação da nossa equipe de pessoas. (…) Assim como focamos em trazer uma experiência incrível para os clientes, temos essa mesma visão para a experiência do colaborador: afinal, é ele quem constrói essa jornada e quem faz a empresa. A tecnologia é construída pelas pessoas”.

Perspectivas futuras

Investimento em tecnologias de automação cada vez mais sofisticadas, home office e aprendizado contínuo: essas são as perspectivas para um cenário futuro no pós-pandemia. 

“Muito daquilo que tínhamos como verdade foi quebrado durante a pandemia, principalmente conceitos sobre o home office. Para muitas pessoas o trabalho remoto funciona muito melhor, a empresa consegue contratar colaboradores em todo o país. Mas ainda há algo que precisamos resolver: como os colaboradores ficam amigos. As pessoas ficam amigas durante o almoço, tomando uma cerveja após o expediente. Estamos tentando emular essa conectividade entre as pessoas criando grupos de interesses em comum ou happy hours virtuais, mas sendo 100% honesto essa conexão ainda não é igual a encontrar e abraçar alguém pessoalmente. Acho que ainda estamos aprendendo”, conta Eduardo L’Hotellier, do GetNinjas. 


+ CONAREC 2020 

O digital também aproxima: aprendizados da BRF durante a pandemia

Insights transformadores provocados pela pandemia

Veja aprendizados e realizações das empresas na pandemia

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]