Pesquisar
Close this search box.
/
/
Senacon proíbe Hurb de vender pacotes com datas flexíveis

Senacon proíbe Hurb de vender pacotes com datas flexíveis

Em caso de descumprimento, empresa pode pagar até R$ 50 mil em multas diárias

A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) mandou o Hurb suspender as vendas de novos pacotes com datas flexíveis nesta segunda-feira (29), devido a irregularidades nas práticas comerciais da companhia. Caso descumpra a medida, a empresa pagará multa diária de R$ 50 mil, além de enfrentar outras penalidades previstas no Código de Defesa do ConsumidorSegundo a Senacon, a suspensão se refere apenas às vendas dos pacotes flexíveis, aqueles em que não existe uma data fixa para viajar. Esse produto teve um boom durante a pandemia, quando o Hurb comercializou viagens a preços abaixo do mercado.

Nos últimos meses, a empresa passou a receber críticas dos consumidores por cancelar viagens sem aviso prévio, atrasar pagamento a hotéis e falhar na comunicação com os clientes. A proibição de venda deve continuar até que o Hurb trace um plano concreto para cumprir os contratos já em vigor e comprovar que as falhas foram corrigidas, afirmou a Senacon.

Leia mais:
Novo CEO da Hurb: “clientes com pacotes comprados vão viajar”

A empresa havia enviado um plano de ação para o governo no começo de maio. No documento, o Hurb propunha analisar e categorizar os protocolos abertos, priorizar as demandas, além de resolver os casos com uma nova política interna de comunicação com o cliente. O plano, porém, não trouxe informações suficientes e consistentes, segundo o secretário Wadih Damous. “Por isso, para que não haja ainda mais prejuízo aos consumidores e consumidoras de todo o país, nós resolvemos emitir uma medida cautelar para impedir que a Hurb continue comercializando pacotes, já que ela não tem demonstrado capacidade de cumprir com o contratado”, explicou Damous.

Em nota, o Hurb informou que ainda não foi notificado pela secretaria sobre o resultado da ação e, por questões legais, não comentará sobre o processo. A empresa afirmou que está à disposição das autoridades para prestar quaisquer esclarecimentos e que, prezando pelo melhor interesse da companhia e de seus consumidores, reúne seu corpo jurídico para tomar as medidas cabíveis, caso necessário.

Entenda o caso

Em 2020, no auge da pandemia, quando setor de turismo paralisava as vendas, o Hurb começou a vender pacotes de viagens com datas flexíveis em preços promocionais. As viagens seriam realizadas em dois ou três anos.

Nos primeiros meses de 2023, clientes reclamaram que a empresa não estava conseguindo oferecer viagens no período combinado no contrato. O Hurb prorrogou a data da realização de alguns pacotes, afetando o calendário de clientes que não tinham mais disponibilidade de agenda.

Segundo o Procon-SP, a Hurb não estava fazendo o reembolso dos valores pagos. Em outros casos, a empresa remarcava a viagem, mas cancelava em seguida. Outro problema foi em relação às hospedagens dos clientes. Os hotéis contratados cancelaram as reservas feitas pela Hurb, alegando falta de pagamento. Muitos consumidores descobriram que não tinham reservas já nos destinos.

Leia mais:
CEO da Hurb revela como a empresa está lidando com a crise

Em entrevista à Consumidor Moderno, o ex-CEO da empresa João Ricardo Mendes disse que a falta de pagamento aos hoteís aconteceu porque os bancos travaram valores a receber do Hurb, no montante de R$ 800 milhões. Segundo Mendes, o cenário econômico ficou incerto devido ao calote das Americanas e pela quebra de bancos nos EUA.

Por conta do aumento das reclamações dos clientes e falta de resolução das queixas, a Senacon abriu um processo adminstrativo contra a empresa em abril. Segundo a Senacon, entre janeiro e março, foram mais de 7 mil reclamações contra a Hurb. Em 2022 inteiro, foram 12 mil queixas. Outro ponto criticado pela Senacon foi a diminuição do índice de solução das reclamações, que era de 64% em 2022 e caiu para 50% em 2023.

Para piorar a situação, o ex-CEO foi acusado de debochar de clientes em um vídeo, além de enviar áudios e mensagens em um grupo de WhatsApp com ofensas. Mendes renunciou no dia 24 de abril.

A resposta da empresa vem sendo coordenada pelo novo CEO, Otavio Brissant, no Hurb há sete anos. Segundo Brissant, todos que compraram pacotes de viagem com a empresa vão conseguir viajar.

A empresa enviou em maio um plano de ação à Senacon, o qual não foi aceito. Por isso, a Secretaria resolveu suspender a venda dos pacotes.



+ NOTÍCIAS
Por que é tão difícil fidelizar a Geração Z?
Geração Z paga mais por serviços imediatos e desconfia de reviews

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]