Pesquisar
Close this search box.
/
/
Pesquisa de cliente oculto guia consolidação do omnichannel com vantagens

Pesquisa de cliente oculto guia consolidação do omnichannel com vantagens

A ascensão do consumo online e off-line trouxe desafios e oportunidades, tornando vital o aprimoramento do atendimento e a valorização da experiência do cliente, impulsionados pelo crescimento do omnichannel e pelo papel estratégico da pesquisa de cliente oculto

As compras online já foram incorporadas à rotina do consumidor: com o celular sempre à mão para resolver as questões da sua vida, ele está habituado a comprar de forma rápida pela internet e espera solucionar problemas e dúvidas pós-aquisição com a mesma agilidade.

Esse hábito, apesar de bem explorado pelas organizações e intensificar as vendas, é relativamente recente. Antes da pandemia muitos clientes, principalmente os baby boomers, não se sentiam 100% seguros para fazer suas transações online, e ainda aproveitavam a desculpa de “ir ao banco” para ver outras pessoas e tomar café com o gerente.

Depois dessa grande crise mundial, todas as gerações tiveram que aprender a fazer transações, compras e pedir serviços online, fazendo com que uma tendência que estava latente se tornasse gigante. O desafio agora é aperfeiçoar o atendimento porque esses clientes estão cada vez mais exigentes, demando inclusive formatos híbridos. A expressão Phygital, (físico + digital) = online + offline, veio para ficar! Uma recente pesquisa da Bare International, inclusive, apontou que, na Black Friday 2023, 68% dos consumidores pretendiam realizar compras online e 17% digital com retirada na loja.

Segundo uma pesquisa da Linx, no primeiro semestre, as vendas no varejo omnichannel no Brasil cresceram 37%, já representando cerca de 32% das vendas digitais. Ou seja, essa modalidade vem impulsionando o mercado como um todo, o que traz desafios próprios.

Se no online as tecnologias e plataformas utilizadas se sobressaem, no omnichannel a equipe volta a ganhar peso. É fundamental fazer uma seleção de funcionários que estejam adequados ao core business de cada empresa e que gostem de vender e atender, pois o consumidor quer sentir que sua necessidade está recebendo atenção adequada. Os colaboradores não devem nunca deixar de ouvir o consumidor de maneira fiel e neutra. Nesse sentido, os planos de ação definidos têm que ser cumpridos e um fator que auxilia nessa etapa é manter e desenvolver as equipes, evitando evasão e alta rotatividade. A rotatividade, muitas vezes, é muito mais rápida do que os planos de ação.

Agir para recuperar os clientes insatisfeitos é o centro da estratégia, mas, paralelamente, a base de clientes fiéis tem que ser cultivada de forma que avance ainda mais, aprofundando esse relacionamento e gerando ainda mais resultados. Importante também enfatizar que os clientes “apenas satisfeitos” formam uma base vulnerável a evasão e as equipes não devem medir esforços para melhorar as suas experiências.

Neste sentido, a pesquisa de cliente oculto é  uma grande aliada, pois investiga de forma ágil e com custos mais competitivos os parâmetros para melhorar a qualidade da jornada de compra do cliente neste novo universo híbrido.

O motivo é que o cliente oculto mapeia a experiência efetiva do consumidor e desvenda o emocional da compra. Ainda mais em empresas que têm padrões e normas específicas em rede, como é o caso das franquias, que têm como ponto forte e características marcantes modelos de negócios testados e aprovados independentemente da região em que estão instalados.

O setor de cliente oculto movimenta cerca de US$ 1,5 bilhão por ano, reunindo aproximadamente 1,5 milhão de profissionais. Todo esse efetivo humano está em ação para analisar a realidade de cada cliente de forma customizada para mostrar para as empresas seus erros, seus acertos e como montar um plano de ação assertivo para o negócio e para o consumidor dele, além de criar um ambiente positivo para prolongar a boa experiência de compra fazendo novas vendas e fidelizando aquele consumidor.

O cliente oculto vai muito além da pesquisa de mercado porque envolve fatores complexos que tornam cada teste mais específico e único para os objetivos do negócio. Os questionários são extremamente detalhados e customizados para a realidade de cada cliente, incluindo itens como: 

– O site é user friendly para a sua faixa etária?

– Encontrou fácil o que procurava?

– O produto estava bem descrito?

– Se é um produto com numeração há descrição de como achar o seu tamanho?

– Em caso de dúvida, foi atendido?

–  A pesquisa acompanha toda a jornada do consumidor com questões como: De que forma o produto chegou até você? Ele era como descrito no site? E a embalagem? O prazo foi cumprido?

– Se precisou de auxílio pós-venda, como foi?

Na pesquisa de cliente oculto, cada etapa é observada, analisada e revista porque o consumidor muda, as tendências de mercado encontram novos caminhos e mesmo o cliente oculto precisa acompanhar essa evolução.

Com o avanço da digitalização e modelos diversos de omnichannel, o cliente oculto encontra as respostas e soluções que as empresas e seus clientes precisam para uma experiência cada vez mais memorável de compra e bons negócios no seu balanço final. O cliente é oculto, mas os resultados são visíveis.  

*Stella Kochen Susskind é diretora de novos negócios da Bare International, CEO da SKS Customer Experience e autora de livros e artigos na área, palestrante internacional e referência no mercado de cliente oculto na América Latina. 



Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]