Pesquisar
Close this search box.
/
/
Parceiros da Educação convoca empresas a participarem do ensino público

Parceiros da Educação convoca empresas a participarem do ensino público

Organização não governamental com foco na educação é conhecida por melhorar os índices educacionais das escolas parceiras em até 35%

Como se engajar em um dos temas mais importantes para o Brasil, que é a educação pública? Foi com essa proposta que Jair Ribeiro, presidente da Associação Parceiros da Educação e sócio da Sertrading e Banco Indusval, começou seu painel no CONAREC. “Não sei se tem desafio maior do que a educação pública”, disse Ribeiro.

Logo no começo da palestra, ele propôs que as pessoas pensassem rapidamente como o lugar onde nascem impacta na dinâmica da sua vida. “É sobre isso que vamos falar”, disse.

Foto Rafael Canuto

Para isso, apresentou personagens reais, sendo que alguns tiveram os seus nomes alterados:

Rodrigo, que nasceu nos Jardins, bairro nobre de São Paulo, tem ascendência italiana e espanhola, estuda em colégio particular e viaja com frequência, além de ter um iPhone e jogar videogame. Nunca passou um dia sem uma refeição.


Wesley vem do bairro Lagoa da Paz, na zona sul da capital. Nunca viajou e nunca foi a um oculista. Aliás, na classe dele, 30% têm problema de visão e não sabem. Não tem pai e com 16 anos não sabe fazer uma regra de três.


Raab é de Pirituba e mora em Itapevi com a tia. Cursa o Ensino Médio em uma escola na Marginal Tietê, e leva mais de duas horas para chegar na escola estadual. Essa escola, chamada Alexandre Von Humboldt, no entanto, tem um índice educacional acima da média. Tem peças de teatro, aulas eletivas e 80% dos alunos entram em faculdade ou Fatec, que são as faculdades de tecnologia do Estado de São Paulo.


O Wesley não é exceção. A cada 100 pessoas que se formam no Ensino Médio, somente sete sabem fazer regra de três. Quantos têm as habilidades soci0emocionais para entrar no mercado de trabalho? Somente 4% têm as competências necessárias para o século 21. “Mostro isso para causar indignação e a sociedade se mobilizar”, disse Ribeiro. Entre 180 formandos do ensino público, somente 5 entram na faculdade.

Educação
Foto Unsplash

Alguns números do cenário do ensino público em São Paulo:
5,1 mil escolas ligadas à Secretaria Estadual de Educação, com 190 mil professores e 3,4 milhões de alunos.

“Desafio enorme gerenciar uma organização desse tamanho, por isso a sociedade precisa se envolver”

Modelo

A escola da Raab, também pública, é um modelo a ser seguido. Tem ensino em período integral e é apoiada pela Parceiros da Educação. “É uma organização da sociedade civil presente na escola que faz a diferença.”

Com 15 anos de vida, a Parceiros da Educação atua em mais de 200 escolas e quer sensibilizar a sociedade para abraçar a causa da educação pública. Eles acreditam que podem gerar um impacto positivo. “Conseguimos melhorar o índice educacional das escolas em 35%”, afirma Ribeiro, convidando as empresas a adotarem escolas junto com a Parceiros da Educação. O investimento, segundo ele, é de R$ 12 mil a R$ 15 mil por mês.

Jair Ribeiro, Presidente da Associação Parceiros da Educação (Foto Rafael Canuto)

Transformação

“Não criamos escolas novas.Com esse dinheiro da sociedade civil transformamos as que já existem”, conclui, anunciando um novo formato de parceria em que é possível apoiar a causa investindo a partir de R$ 5 mil por mês.

“Esses recursos serão usados para pequenas reformas, apoio aos professores, laboratório de informática e compra de livros”, explica Ribeiro. Com isso, a ONG quer chegar a mais de 600 escolas parceiras, impactando mais de 600 mil crianças e adolescentes.

Por fim, Luiz Fernando Figueiredo, CEO da Mauá Capital, subiu ao palco e fez um alerta. “Está na hora de a gente, como sociedade civil, fazer algo pela educação pública.”

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]