Pesquisar
Close this search box.
/
/
Marketplaces: a solução certeira para pequenos e médios negócios

Marketplaces: a solução certeira para pequenos e médios negócios

Comprar online tornou-se um reflexo do consumo e essa tendência não dá sinais de desacelerar, com os marketplaces ganhando ainda mais popularidade por serem regulamentados

A pandemia e as restrições do comércio transformaram profundamente o comportamento do consumidor. Com o distanciamento social, são muitas as pessoas que deixaram de fazer suas compras pessoalmente, tanto que a plataforma iFood, por exemplo, teve um crescimento de 418% entre março de 2020 e o mesmo período de 2021. São mais de cinco mil parceiros entre restaurantes, farmácias, conveniências, mercados e lojas de produtos para pets.

Uma pesquisa feita pela Ebit|Nielsen apurou os efeitos da pandemia no comércio online. Somente no primeiro semestre de 2020 mais de sete milhões de pessoas compraram online pela primeira vez — praticamente o total de 2019.

Por oferecerem conveniência real aos consumidores, nos últimos anos o número de marketplaces explodiu. De acordo com o Gartner, 75% das compras serão feitas por este meio até 2022.

E realmente o modelo está em alta! De acordo com um estudo do Retail Index, entre os 10 sites mais populares de comércio no mundo, 7 deles são marketplaces. E o que justifica tanto sucesso? Os marketplaces oferecem vantagens tanto para consumidores quanto para vendedores.

Para os compradores, uma grande variedade de produtos e serviços, ao mesmo tempo que disponibiliza aos vendedores acesso a milhões de clientes em potencial. Uma oportunidade de ouro principalmente para os pequenos negócios, que têm menos condições de investirem em marketing e em uma infraestrutura para tornarem seus negócios virtuais conhecidos e confiáveis.

Comprar online tornou-se um reflexo do consumo e os clientes têm grandes expectativas em termos de escolha. Essa tendência não dá sinais de desacelerar e os marketplaces são ainda mais populares por serem regulamentados – um ambiente seguro que gera muitos benefícios principalmente para os pequenos negócios que ainda não são digitais.

É a oportunidade de analisar uma excelente oportunidade: ter as portas da loja abertas 24 horas por dia, 7 dias da semana. E o melhor: atendendo não apenas o consumidor do bairro, mas do Brasil inteiro.

Hoje o consumidor não tem tempo e/ou paciência para procurar em muitos sites o que deseja. É muito mais simples e cômodo encontrar diversos fornecedores e valores em apenas um local – e esse é um dos principais atrativos de um marketplace. É uma variedade muito mais ampla do que qualquer loja poderia oferecer.

O marketplace é responsável pela relação entre compradores e vendedores. A segurança das transações também faz parte de sua responsabilidade. O gerenciamento de pagamentos é, portanto, fundamental para o sucesso de um marketplace.

Tipos de marketplace

Existem três tipos de marketplaces. O vertical vende produtos de várias fontes, mas todos eles têm do mesmo tipo. Por exemplo, o AirBnB, que comercializa hospedagem e a Vem de Bolo, primeiro marketplace do gênero de doce no Brasil.

Já um marketplace horizontal vende produtos de muitos tipos, mas todos compartilham uma característica. Os melhores exemplos são o Elo7, especializado em reunir artesãos e oferecer produtos personalizados e o GetNinjas, que conecta prestadores de serviços domésticos, de saúde ou manutenção a quem precisa.

Um mercado global vende tudo. É impossível falar de marketplace e não se lembrar de nomes como Mercado Livre, Shoppe e OLX, entre tantos outros. Apenas o Mercado Livre tem 211 milhões de usuários na América Latina e mais de 10 milhões de vendedores, que incluem desde pessoas físicas a grandes marcas. A cada segundo, nove vendas são realizadas na plataforma.

Segundo dados da GfK, de 10 consumidores digitais, dois compraram pela primeira vez na internet no ano passado. E, desses 10, um deles manteve a quantidade de pedidos online e seis aumentaram suas aquisições.

É comum no setor de varejo que novos conceitos explodam e proliferem. O que também é comum é que depois de um tempo, ocorra um movimento de acomodação e apenas os melhores sobrevivam.

Aqueles que não conseguirem acabarão perdendo participação de mercado e, eventualmente, desaparecerão. Sobreviverão os que tiverem maior eficácia, criando valor e benefícios para os consumidores.

*João Moretti é consultor na área de tecnologia, CEO da Moretti Soluções Digitais, presidente da ABIDs e fundador e sócio das startups AgregaTech, AgregaLog, Rodobank, Paybi e outros.


+ Notícias

E-commerce na pandemia: marketplaces, nova geografia e mídias alternativas

O que vale mais: experiência extraordinária ou experiência sem fricção?

 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]