Pesquisar
Close this search box.
/
/
Conheça estratégias para uma experiência aprimorada de IA no atendimento

Conheça estratégias para uma experiência aprimorada de IA no atendimento

Descubra como a IA, incluindo o ChatGPT, está redefinindo o atendimento ao cliente e moldando o futuro das interações empresa-consumidor.

A evolução da Inteligência Artificial (IA) está transformando a maneira como as empresas interagem com seus clientes, promovendo experiências mais fluídas e eficazes. Entre as ferramentas de IA que estão ganhando evidência no atendimento ao cliente, o ChatGPT, desenvolvido pela OpenAI, tem se destacado como uma solução versátil e promissora.

As IAs permitem a automação da resolução de problemas. Além disso, podem ajudar a monitorar e avaliar o desempenho, identificando problemas e sugerindo melhorias. Também podem facilitar o processo de análise de informações, como dados, resultados, tendências e padrões de uso. No entanto, é importante discutir questões como privacidade e segurança dos dados. É preciso garantir que os dados dos usuários sejam mantidos seguros e não sejam utilizados indevidamente. Para isso, é importante garantir que as equipes humanas estejam capacitadas para trabalharem na curadoria e monitoramento das ferramentas de IA.


Coloque na agenda!

O painel “Uso de IA e ChatGPT no relacionamento com clientes
será no dia 12/09, das 16h20 às 16h50, na Arena Rio de Janeiro – CX

Ainda não tem ingresso?
Garanta o seu aqui e participe do maior CONAREC de todos os tempos!


Tendência no atendimento ao cliente

Empresas em todo o mundo estão adotando o ChatGPT e outras tecnologias de IA para aprimorar suas operações de atendimento. Seja no chatbot de um website ou no WhatsApp, o ChatGPT oferece a capacidade de melhorar a experiência do cliente, fornecendo respostas ágeis e personalizadas. Essa tendência não é exclusiva do ChatGPT, pois a IA generativa e conversacional estão se destacando como tecnologias emergentes em 2023, de acordo com a Forrester.

Com mais de 110 milhões de usuários, o ChatGPT da OpenAI está liderando a mudança na forma como as empresas atendem seus clientes. A capacidade conversacional dessa solução é apenas a ponta do iceberg de uma tendência em crescimento. De acordo com o Mapa do Ecossistema Brasileiro de Bots, entre 2021 e 2022, o total de bots desenvolvidos aumentou 47%, de 216 mil para 317 mil, com 58 mil bots em atividade.

Construindo interações ricas com IA

O ChatGPT é apenas um exemplo do poder da IA generativa. Empresas como a ConectCar estão adotando o Speech Analytics para analisar emoções em conversas, enquanto o PayPal utiliza o Machine Learning para melhorar a experiência dos clientes e combater transações fraudulentas. O Brasil está na vanguarda dessa tendência, com um crescimento projetado de 100% ao ano na adoção da IA generativa até 2027, segundo a GlobalData.

Algumas das vantagens do uso da IA incluem a padronização da qualidade do atendimento, aumento da eficiência e escalabilidade, automação de tarefas rotineiras, personalização aprimorada e análise de grandes volumes de dados em tempo real. A IA otimiza o tempo das equipes, permitindo que elas se concentrem em questões mais complexas e que exigem intervenção humana. No entanto, é importante ressaltar que a IA, assim como qualquer ferramenta de automação, pode apresentar falhas, portanto, a supervisão humana é indispensável.


Quer saber o que há de melhor em CX?
Participe do CONAREC 2023!

Onde? Expo Transamérica – SP
Quando? 12 e 13 de Setembro

Ainda não tem ingresso?
Clique aqui! 💬


A inteligência humana é indispensável

Apesar dos avanços da IA, o ChatGPT ainda não é capaz de identificar emoções humanas ou criar casos de atendimento a partir de histórias. Portanto, é crucial promover uma integração eficaz entre a IA e as equipes de atendimento humano. Embora as soluções de IA possam resolver questões comuns e rotineiras, os profissionais especializados são necessários para lidar com cenários complexos e sensíveis que exigem uma abordagem mais qualitativa e humanizada.

O ChatGPT, apesar capaz de se adaptar a diferentes cenários e criar interações semelhantes às humanas, ainda requer curadoria de conteúdo e uma estratégia de atendimento ao cliente coordenada por profissionais especializados. A integração harmoniosa da IA com os esforços humanos é a chave para proporcionar uma experiência de cliente de alta qualidade.

Cenários que a IA não atende

Apesar de oferecer muitas vantagens, existem alguns casos em que a IA pode não ser a melhor opção para o atendimento ao cliente. Por exemplo, as ferramentas de IA podem ter dificuldades para lidar com problemas que exigem um conhecimento aprofundado da situação, por serem incapazes de se conectar com a história do cliente ou de entender o contexto sutil por trás de um problema.

Em segundo lugar, é importante lembrar que as ferramentas de IA são limitadas na capacidade de ler emoções e interpretar sentimentos. Isso significa que, em momentos em que o atendimento de qualidade requer a avaliação do humor e da perspectiva emocional do cliente, a IA pode não ser a solução ideal. Por exemplo, a IA é ineficaz em lidar com situações que exigem empatia, como compreender quando um cliente está insatisfeito e proporcionar uma resposta que consiga acalmá-lo.

A IA também apresenta limites nos casos em que há elevada volatilidade ou mudanças frequentes. Por exemplo, se o cenário mudar constantemente devido às mudanças no comportamento dos clientes, políticas de preços, estratégias de marketing, etc. As ferramentas de IA podem não reagir a tempo para se adaptar à situação. Em alguns casos, isso pode resultar em uma experiência do usuário inadequada.

CONAREC 2023 discute uso de IA no relacionamento com clientes

O uso de IA será tema de painéis no CONAREC 2023. Entre eles, está o painel “Uso de IA e ChatGPT no relacionamento com clientes“, uma discussão abrangente sobre a integração da inteligência artificial (IA) no atendimento ao cliente e abordará com especialistas e executivos que já implementaram a ferramenta para otimizar sua estratégia de atendimento o equilíbrio entre a automação e a humanização das relações com os clientes, explorando até que ponto a IA pode substituir o atendimento humano sem comprometer a qualidade do relacionamento.

Além disso, serão discutidas questões éticas, privacidade e a necessidade de capacitar equipes humanas para colaborar eficazmente com ferramentas de IA, como o ChatGPT. Por fim, o painel analisará cenários nos quais a IA pode menos eficaz do que o atendimento humano tradicional, oferecendo insights valiosos para empresas em busca de estratégias de atendimento ao cliente aprimoradas. Este tópico é crucial para a evolução do relacionamento com os clientes na era da IA.

Confira os participantes confirmados:

Valter Wolf, Diretor-Executivo da ABRIA

Além da função na Associação Brasileira de Inteligência Artificial para desenvolver o ecossistema de IA no Brasil, nas verticais: Fintech, HealthTech, LawTech, Edutech, Valter Wolf tem vasta experiência na área de Comercial e de Parcerias, abrangendo a gestão do planejamento estratégico de marketing, desenvolvimento de negócios, com carreira desenvolvida em empresas nacionais e internacionais, do setor de energia, telecomunicações e tecnologia. Formado em Engenharia Elétrica pela UFRGS e mBA pela FGV, desenvolveu em mais de 25 anos de carreira expertise em planejamento estratégico (avaliação de mercado, inteligência de competidores, análise de clientes, pesquisa de satisfação) e tático (Go To Market), desde desenvolvimento e lançamento de novos produtos, serviços e soluções, como a implementação de metodologia AGILE e Design Thinking.

Ana Paula Kagueyama, Head Global Customer Services and Senior Director do Paypal

Há mais de 13 anos no PayPal, vem liderando grandes equipes In House e Outsource em mais de seis países em todos os continentes para três marcas e negócios diferentes do grupo PayPal/XOOM e Zettle MX, Ana Paula também é Site Leader Brasil, responsável por iniciativas de engajamento para manter alto nível de energia com todos os colaboradores.

Claudio Xavier – Diretor de Transformação Digital da Teleperformance

Especialista em CX e Inovações para a melhoria contínua do Atendimento ao Cliente, responsável por implementar processos, ferramentas, tecnologia e soluções de negócios disruptivas. Claudio Xavier traz visão e liderança em consultorias, gerenciamento, planejamento e implementação de soluções digitais para apoiar novos negócios e operações atuais na Teleperformance, a fim de melhorar a relação custo-benefício, a qualidade do serviço e o desenvolvimento de negócios.

Daniel Frankenstein, Head de Data, Marketing & CRM da Conectcar 

Formando em Tecnologia de Sistemas pelo Mackenzie, com MBAs na FIA e na FIAP, e qualificações do MIT em Data Science e Big Data: Decisões Baseadas em Dados, Daniel Frankenstein tem mais de anos de experiência com análise de dados focada em oportunidades de negócios, e desenvolveu uma visão sistêmica, com foco estratégico, mas atenção aos detalhes para orientar estratégia, roadmap e execução de plataformas relacionadas às necessidades de dados.

O futuro do atendimento ao cliente com IA

A capacidade de personalização, eficiência e automação oferecida pela IA promete revolucionar como as empresas interagem com seus clientes. À medida que a tecnologia continua a avançar, as empresas são incentivadas a experimentar e adaptar gradualmente essas soluções para atender às necessidades em constante mudança de seus clientes.

À medida que as empresas abraçam essas tecnologias, elas estão moldando o futuro das interações entre empresas e consumidores, promovendo uma experiência de cliente cada vez mais aprimorada e personalizada. No entanto, é importante lembrar que a supervisão humana continua sendo essencial para garantir que as interações sejam sensíveis e relevantes para os clientes.



+ NOTÍCIAS
A influência dos bots no comportamento do cliente
Personalização de CX é tema do CONAREC 2023

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]