Pesquisar
Close this search box.
/
/
Facebook cria a sua “suprema corte”

Facebook cria a sua “suprema corte”

O Facebook anunciou os nomes dos integrantes do conselho superior dedicado a ter a palavra final sobre os conteúdos que ficam ou saem da plataforma. Há um brasileiro no time

O Facebook anunciou nesta quarta-feira (6) os nomes das pessoas que vão formar um conselho independente dentro da empresa. Entre outros atributos, o “tribunal superior”, como alguns já vem chamando, terá a palavra final sobre qual conteúdo controverso poderá (ou não) ser retirado das plataformas da companhia – o que inclui ainda o Instagram. Entre os nomes, há um brasileiro: o advogado Ronaldo Lemos.

Segundo a companhia, o ex-primeiro ministro dinamarquês Helle Thorning-Schmidt co-presidirá o painel com outras três pessoas. “(O conselho) representa um novo modelo de moderação de conteúdo”, informou a empresa.

Composição e funções

Inicialmente, o tribunal superior será composto por 16 membros. Há, no entanto, planos para expandir esse número para 40. O grupo deve começar a atuar ainda este ano.

Ronaldo Lemos, advogado brasileiro e um dos integrantes do conselho do Facebook. Crédito: Wikipedia

Em linhas gerais, a ideia é deliberar sobre conteúdos que teriam sido erroneamente excluído, segundo a opinião do usuário. No entanto, nem todo o conteúdo retirado do ar vai para a análise do grupo. Em tese, eles vão analisar exclusões de grande impacto na rede social ou que mobilizem um grande número de pessoas.

Com o tempo, o grupo deve assumir outras funções. Uma delas é a análise de pedidos de remoção de conteúdo a partir de uma ação do próprio usuário das redes da empresa. Mais: os participantes, com o tempo, também revisarão o conteúdo da própria empresa e poderão fazer recomendações de políticas com base em suas decisões. Em tese, até mesmo o próprio Mark Zuckerberg teria suas postagens analisadas pela companhia – e poderiam ser excluídas pelo conselho.

“Os casos que escolhemos ouvir podem ser controversos e não agradaremos a todos com nossas decisões. Os usuários do Facebook e Instagram vêm de todos os cantos do mundo, e o contexto social ou cultural em que o conteúdo é publicado é importante. Esperamos uma discussão apaixonada entre os membros”, informou o conselhor em nota divulgada à imprensa.

Eleições

No comunicado, o conselho não quis se comprometer com a resolutividade de um velho e conhecido problema da companhia: o fenômeno das fakes news nas eleições algo que, segundo a própria companhia, ainda tem sido decisivo nos pleitos ao redor do mundo.

Em entrevista à BBC, um dos co-presidentes, Michael McConnell, um ex-juiz federal dos EUA, afirma que o conselho possui um caráter experimental e que estaria sujeita a erros em um primeiro momento. No entanto, ele espera que a plataforma traga maior grau de neutralidade política com o tempo. “A ideia é que o Facebook não decida eleições”, informou.

Casos de relevância

Ainda segundo McConell, o conselho não terá um papel de “polícia da internet”. Em vez disso, ele concentraria os seus esforços em casos que afetam um grande número de usuários, que impactam o discurso de um grande número de pessoas ou levantam questões específicas sobre a política do Facebook.

Conselho

O conselho tem de tudo um pouco. Há jornalistas, juízes, ativistas de direitos digitais e ex-assessores governamentais. Eis alguns deles:

Afia Asantewaa Asare-Kyei – uma defensora dos direitos humanos que trabalha nos direitos das mulheres e na liberdade de mídia em toda a África

Evelyn Aswad – professora de direito que atuou como advogada sênior do departamento de estado dos EUA

Nighat Dad – um defensor dos direitos digitais, baseado no Paquistão

Alan Rusbridger – ex-editor-chefe do jornal The Guardian

Emi Palmor – um ex-diretor geral do Ministério da Justiça de Israel

Ronaldo Lemos – advogado que co-criou uma lei nacional de direitos da Internet no Brasil.

 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]