Pesquisar
Close this search box.
/
/
Dicas que vão te ajudar a não cair numa roubada na Black Friday 2019

Dicas que vão te ajudar a não cair numa roubada na Black Friday 2019

E outras que vão te ajudar caso você caia em alguma

A Black Friday é uma das datas que mais movimentam o comércio brasileiro, principalmente no e-commerce. A expectativa para esse ano, segundo o portal Busca Descontos, é que as vendas alcancem cerca de R$ 3,15 bilhões e superem o faturamento do ano passado.
É uma grande oportunidade para o consumidor também, que tem a chance de se preparar e encontrar produtos e serviços desejados por preços que normalmente não seriam possíveis em outras datas.
Diante de todo o alvoroço causado pelo evento é comum que algumas empresas, na busca de atrair clientes, cometam deslizes na hora de anunciar seus produtos.
Um levantamento feito pelo PROCON-SP mostra quais foram os principais problemas encontrados pelo consumidor na última edição da Black Friday:

  • Maquiagem de desconto (desconto oferecido sobre o do produto/frete não é real)
30,33%
  • Produto/serviço oferecido não está disponível
19,87%
  • Mudança de preço ao finalizar a compra
18,20%
  • Pedido cancelado pela empresa após finalização da compra
16,53%
  • Site intermitente/congestionado/página bloqueada
6,69%
  • Site não permite pagamento via boleto bancário/débito em conta
1,67%

Com base nessas reclamações a Consumidor Moderno em conjunto com o PROCON-SP separou algumas dicas que podem te ajudar a não cair numa roubada e ter uma grande dor de cabeça no futuro:

PESQUISE

Segundo o diretor executivo do Procon-SP, Fernando Capez, a maquiagem de descontos é o maior dos problemas encontrados na Black Friday – quando as empresas anunciam como desconto algo que não é desconto. É preciso estar atento.

Uma maneira de se precaver contra esse tipo de golpe é fazer uma lista do que será comprado e em seguida consultar preços em diversos sites – inclusive bem antes da data. Assim é possível identificar se o valor divulgado na Black Friday equivale a um desconto real ou é apenas uma maquiagem.


ENTRE NOS SITES OFICIAIS DAS EMPRESAS

É muito comum nessa época receber ofertas por e-mail e redes sociais,. Muitas vezes essas propagandas encaminham o consumidor para sites fraudulentos muito parecidos com os reais, que podem, entre outras coisas, roubar dados pessoais. Por isso, a melhor forma de evitar cair nessa roubada é entrar diretamente pelo buscador nos sites oficiais das empresas.

Outra dica importante é consultar a credibilidade da empresa com o PROCON. Isso ajuda também a descobrir se aquela empresa que você nunca ouviu falar existe e é confiável.


ANALISE BEM O FRETE

Muitas vezes as lojas oferecem descontos nos produtos e depois compensam o valor no frete e quem sai perdendo é o consumidor. Nesse caso, verifique se o valor do frete não aproxima o preço do produto aos pesquisados antes da Black Friday.


NÃO SE LIMITE ÀS GRANDES LOJAS

Muitas lojas virtuais, que não as grandes, estão preparando descontos excelentes para essa data. Por isso pesquise sobre os serviços antes. Muitas vezes você pode encontrar por um desconto que não estava esperando.


Cai numa roubada e agora?

Arrependimento em 7 dias

Caso o consumidor tenha feito uma compra online, ou seja, sem pisar numa loja física e o produto não for o que ele esperava é possível fazer a devolução dentro de um período de sete dias. “O cliente tem direito de devolver o produto ainda novo, sem usar e sem dar satisfação do porque ele não gostou”, afirma o diretor executivo do Procon-SP.

Produtos com defeito

Fez a compra e o produto chegou com defeito em casa? Segundo o Procon é possível pedir a troca, um desconto ou ainda o ressarcimento total do valor.

Falso estoque limitado

Foi finalizar a compra e acabou o produto no estoque? Tudo bem pode acontecer e a empresa não precisa te enviar o produto mesmo assim, mas se por algum motivo o consumidor desconfiar que o estoque nunca existiu ou não for avisado em nenhum momento que o estoque era limitado é possível abrir uma ocorrência no PROCON e resolver a questão.

Propaganda ofertada é propaganda garantida

Mais uma vez, viu uma promoção, foi comprar e na hora de finalizar o produto apareceu com outro preço, isso é propaganda enganosa. Nesse caso não se preocupe, se a empresa não quiser vender pelo valor inicial, você pode exigir por vias legais que a oferta seja cumprida.


+ E-COMMERCE

Como a arquitetura do site pode tornar o seu e-commerce mais rentável

Estudo mostra preocupação de brasileiros com segurança de dados no e-commerce

Pesquisa revela hábitos do consumidor brasileiro no e-commerce


Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]