Pesquisar
Close this search box.
/
/
Dasa anuncia criação de plataforma integrada de saúde

Dasa anuncia criação de plataforma integrada de saúde

A NAV, plataforma da Dasa, reúne desde consultas médicas a históricos de exames em um único ambiente digital

Repensar a saúde tem sido algo prioritário nos últimos tempos, sobretudo após a pandemia de coronavírus. Foi por causa dela que uma série de inovações começaram a surgir no setor, pensadas principalmente para evitar o colapso, como ocorreu em alguns estados brasileiros. Essa foi a proposta da health tech Dasa: revolucionar o mercado de saúde usando a tecnologia como aliada.

Nesta terça-feira (27), a empresa relançou a marca após algumas fusões com outras empresas e novas aquisições. A partir de hoje, associada com a Ímpar (rede hospitalar) e com a GSC, integradora de saúde, a Dasa será uma junção das três marcas e atuará na manutenção de uma jornada de saúde integrada.

Em conjunto com o relançamento, a Dasa também anunciou uma nova plataforma digital que integra todos os serviços de saúde promovidos pelo grupo, desde agendamento de consultas a histórico de exames e pedidos médicos, chamada NAV.

“O setor de saúde hoje não é integrado. Você interage com ele quando você já tem a doença, quando já existe o sintoma e precisa ir ao pronto-socorro. É um setor com várias conquistas, mas, ao mesmo tempo, com um olhar limitado. Estamos migrando dessa saúde reativa e fragmentada para uma saúde que seja mais preventiva, mais personalizada, integrada e simples para as pessoas e os médicos”, destaca Pedro Bueno, presidente da Dasa, durante coletiva.

A medicina sob a perspectiva do uso de dados

Hoje, a Dasa se configura como uma das mais importantes líderes em medicina diagnóstica do Brasil e da América Latina, estabelecendo-se como a 5ª maior do setor no mundo. Ao todo, a empresa atende mais de 20 milhões de brasileiros por ano e tem quase 60 marcas ao dispor, entre elas os laboratórios Sérgio Franco, Delboni e Bronstein, assim como os hospitais Nove de Julho, em São Paulo, e São Lucas, em Copacabana (RJ).

Com o relançamento da marca, algumas iniciativas saíram à frente. Entre elas, destaca que para o Dasa EXP, que atua com células ágeis e conta com mais de 400 colaboradores e o Dasa Inova, que trouxe centenas de algoritmos de inteligência artificial. Essas iniciativas trouxeram uma série de inovações para a nova companhia e permitiram a criação da plataforma NAV.

“Construímos uma robusta rede de dados integrada, seguindo todas as premissas da LGPD. Atualmente, já temos mais de 50% das informações interoperáveis. Isso é fruto do investimento de R$ 1,56 bilhão, realizado entre 2018 e 2020, em um dos maiores data lakes proprietários do setor de saúde, com 5 bilhões de dados”, complementa Bueno.

Outro destaque do uso de dados na medicina é a redução de custos, algo promovido pela integração das áreas de saúde. “Quando coordenamos toda essa possibilidade que nós temos de plataforma, de acesso a dados, trazemos uma assertividade muito maior para a condução desse usuário. Isso tem um impacto muito grande na redução do desperdício que encontramos hoje na cadeia de saúde, porque reduzimos muito a fragmentação do cuidado”, explica Ana Elisa Siqueira, Diretora Geral de Cuidados Integrados e Inovação Assistencial da Dasa.

Ainda que a plataforma seja inovadora, ela não é a única no mercado: outras healthtechs tem atuado para integrar seus sistemas, o que também contribui para o avanço coletivo da saúde no sistema privado.

NAV: a plataforma que integra a saúde dos usuários

Com mais sete mil médicos cadastrados e mais de 100 mil pacientes, a plataforma já conta com uma estrutura ímpar no cuidado dos brasileiros e traz uma inovação ao setor: a possibilidade de integrar todos os dados em um único espaço. Esse importante marco contribui para a redução de gastos na reprodução e perda de exames, algo comum dentro da saúde.

“Hoje, a inflação médica já é cinco vezes maior que o IPCA. Ou seja, isso também inclui reduzir custos”, salienta Bueno. Nesse sentido, a atuação da plataforma pretende reduzir os gastos acompanhando o paciente nos mínimos cuidados, para que haja uma medicina mais preventiva e, portanto, mais econômica também.

Dentro da inovação do produto, a NAV atua como um espaço único de acesso a históricos e organizações — tudo isso integrado e mantido com o constante uso dos dados dos usuários. Nela, o paciente é capaz de marcar consultas, exames, realizar atendimentos por vídeo, além de manter um histórico de pedidos médicos e exames feitos.

“A ideia é simplificar essa jornada do paciente e do médico com uma camada assistencial, de coordenação de cuidados. É uma plataforma que já está viva, tem um número relevante de usuários e ao longo desse ano pretendemos evoluí-la”, conclui Bueno.

Dasa na COVID-19

A empresa destaca também uma atuação durante a pandemia tanto para a rede privada quanto para a rede pública. Além de ser uma das protagonistas do teste para diagnóstico da COVID-19, os laboratórios sob comando da Dasa também foram pioneiros em identificar a variante inglesa do coronavírus no Brasil.

Para a contribuição social, a companhia também desenvolveu e comercializou 10 novos testes para identificação do vírus, criou parcerias para o uso de inteligência artificial no diagnóstico de doenças respiratórias e realizou cerca de 6,3 milhões de exames de diagnóstico de covid-19 desde o início da pandemia.


+ Notícias

Alta da preocupação com a saúde exige novos posicionamentos do setor de RH

Crescimento das healthtechs promete revolucionar setor da saúde

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]