Pesquisar
Close this search box.
/
/
A reclamação faz sentido? Brasil tem as figurinhas da Copa mais baratas do mundo

A reclamação faz sentido? Brasil tem as figurinhas da Copa mais baratas do mundo

Pacote a R$ 2 tem o dobro do preço cobrado na Copa do Mundo passada, gerou protestos dos consumidores. Ainda assim, o valor é mais em conta do que em qualquer outro país. Entenda

A cada quatro anos temos duas certezas. A primeira delas é que pararemos o que estivermos fazendo para acompanhar a Copa do Mundo. A outra é que boa parte dos aficionados pelo esporte bretão irão querer completar o álbum de figurinhas com as 32 seleções participantes. Este ano, no entanto, o preço pegou muita gente de surpresa.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno!

Por R$ 2 o pacote com cinco unidades, muitos desistiram de completar o álbum com quase 700 figurinhas. A comoção nas redes sociais foi gigante: como a Panini, que é a responsável pelo álbum, cobra duas vezes o que foi pago em 2014? E, por incrível que pareça, o brasileiro está pagando bem menos em relação ao resto do mundo.

Nós estamos acostumados a pagar muito em comparação a outros países. Temos o sexto Big Mac mais caro do mundo, por exemplo, segundo o índice Big Mac, medido pela Economist. Mas em relação às figurinhas, a nossa é a mais barata do planeta – US$ 0,59 por pacote. Os suíços, conhecidos colecionadores, pagam o triplo do valor – US$ 1,80.

Quem fez esse levantamento foi o Santander. Os países com figurinhas mais caras são Suíça, Hungria, Polônia, Romênica e Rússia, respectivamente do primeiro ao quinto. Na outra ponta, só sulamericanos: Brasil, Equador, Argentina, México e Chile. O Santander não cravou porque a América Latina tem os pacotes mais baratos, apenas afirmou que pode ser uma “estratégia diferente de preços”

Saímos ganhando?

Não quer dizer que estamos pagando pouco pelas figurinhas. Ao contrário. De uma Copa para a outra, o aumento foi acima da inflação: enquanto o índice oficial de preços subiu 33, 9% de 2014 a 2018, o valor para se completar o álbum cresceu 113,13%.

Sim, a Panini aumentou a sua margem. Mas o que fez o Brasil ter a figurinha mais cara do mundo foi a valorização do dólar frente ao real. Na última quarta (25), um dólar voltou a bater em R$ 3,50, maior valor desde junho de 2016. Este ano, o real foi a oitava moeda mais desvalorizada do mundo, na frente apenas do peso argentino, rublo russo, lira turca, rial (Irã), kwanza (Angola) e a sidanesa (Sudão).

Um detalhe que é importante citar: ao mesmo tempo em que temos as figurinhas mais baratas do mundo, o poder de compra do brasileiro é bem inferior ao dos europeus e dos países da América do Norte.

De qualquer forma, está aí uma oportunidade de mercado. Se você comprar figurinhas aqui para vender na Suíça, terá um lucro de US$ 1,21 por pacote. Ou seja, um ganho de R$ 4,23 a cada cinco figurinhas.

Confira o quadro abaixo com os países com as figurinhas mais caras do mundo:

Figura 1 – Preço em dólares para um pacote de 5 figurinhas
Figura 2 – Desvio do preço em dólares (%)

 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]