Pesquisar
Close this search box.
/
/
5 atitudes que podem prejudicar sua carreira

5 atitudes que podem prejudicar sua carreira

Ser um bom profissional envolve tanto questões de capacitação como características comportamentais. Alguns modos, porém, não dão bons frutos para o futuro

Crescer profissionalmente é um desejo da maioria das pessoas. Esse é um caminho longo, que demanda esforço e dedicação. Ao mesmo tempo, exige certos cuidados do profissional, pois alguns comportamentos, mesmo que inconscientes, podem prejudicar objetivos maiores da carreira. Confira as dicas de Elisangela Lima, Psicóloga Consultora de Rh da Lima Fávaro Coaching.

1 – Dizer apenas sim
É fato que flexibilidade é uma característica muito bem vinda no ambiente corporativo, mas ser ilimitadamente flexível pode trazer mais perdas do que ganhos para sua vida profissional. Se disser ‘sim’ para tudo, o profissional pode acabar perdendo o foco, pode atrasar suas entregas e se sentir totalmente sobrecarregado. Nesses casos, a consultora destaca que é preciso “prestar atenção em sua necessidade de aceitação e reconhecimento ou até mesmo falta de definição de foco e suas prioridades”.

2 – Trabalhar sem um objetivo maior
A necessidade de ganhar um salário para pagar as contas faz com que muita gente não saiba onde quer chegar profissionalmente. “É preciso olhar o que é importante para você, eleger prioridades e montar um plano de desenvolvimento pessoal e profissional estipulando evidências de que você está evoluindo”, explica Lima. “Não adianta ter metas e não saber se você está ou não chegando lá”.

Segundo a especialista, para ter uma carreira de sucesso e ser feliz, é preciso ter expectativas elevadas, estados emocionais positivos, evidências de que você está atingindo seus objetivos: nada de pensar pequeno.

3 – Falta de proatividade
Quem não tem proatividade muitas vezes fica estacionado no mesmíssimo lugar por anos e anos, esperando que qualquer coisa caia do céu. A dica para mudar essa postura é conhecer a sua base profissional e pessoal. “Você não é proativo porque é inseguro? Em quais itens você ainda tem insegurança em sua rotina diária? O que você controla e o que não controla em sua vida?”, questiona a especialista. Depois de descobrir os motivos, a recomendação é tentar primeiro resolver a base para, em seguida, trabalhar a sua proatividade através de um levantamento das metas de performance e as de aprendizado que pretende ter em sua vida pessoal e profissional.

4 – Não desenvolver seu autoconhecimento
Quando o profissional não conhece bem suas emoções e seus gaps técnicos e comportamentais muitas vezes pode se deixar levar por emoções primárias, como raiva, inveja, angústia e frustrações. “Se esses sentimentos não forem percebidos rapidamente, podem virar uma bomba-relógio no trabalho ou em qualquer outro lugar”, explica a especialista. Outro ponto delicado da falta de autoconhecimento é não saber o que, de fato, é importante para você. “É preciso conhecer seus valores para saber o que gera e o que não gera motivação intrínseca em você.” Portanto, se pergunte: quais são seus valores reais? Quais são seus valores ideais? A fórmula da motivação segundo a especialista é a vivência de seus valores reais e a perspectiva de vivenciar os valores ideais.

5 – Introversão ou extroversão em excesso
O caminho, segundo a especialista, é equilíbrio. A psicóloga explica que a tendência das pessoas introvertidas é a de buscar a verdade dentro delas, por serem pessoas muito analíticas tentem a acreditar que as respostas estão dentro delas. “Elas cometem um erro ao deixar de aproveitar o potencial das pessoas que estão do lado para resolver tudo sozinhas”, aponta.

Os excessivamente extrovertidos, por outro lado, normalmente têm tanta necessidade de aceitação que acabam querendo chamar a atenção do grupo a qualquer custo e acabam cometendo alguns exageros em seu perfil de extroversão como: impulsividade, prolixidade, entre outros. A dica é clara: nem tanto para um lado, nem tanto para o outro, aceite a essência de seu perfil.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]