Pesquisar
Close this search box.
/
/
7 ótimas dicas para aproveitar o Black Friday

7 ótimas dicas para aproveitar o Black Friday

O Paypal reuniu sete dicas valiosas que vão ajudar o consumidor moderno a comprar certo e pelo preço justo no Black Friday deste ano

 

A adesão dos e-commerces brasileiros à febre do Black Friday deve bater todos os recordes este ano. E um dos motivos para isso é exatamente a crise, que vem mantendo o consumidor com a pulga atrás da orelha desde o ano passado. Afinal, a melhor maneira de convencer quem está receoso a fazer compras é… derrubando preços, levando os internautas a anteciparem as compras de Natal – o que já vimos acontecer no ano passado. O Black Friday de 2015 registrou aumento de vendas de 44% em relação à de 2014, de acordo com relatório do Citibank.

No ano passado, segundo levantamento que a BigData Corp. fez especialmente para o PayPal Brasil, 89,4% dos e-commerces nacionais criaram promoções online para a data, que é campeã de audiência na internet em todo o mundo.

Diante de uma explosão de banners promocionais e outras promoções, Paula Paschoal, diretora comercial do PayPal Brasil, reuniu sete dicas fundamentais para você sair satisfeito do Black Friday.

1 – O Black Friday não acontece só na sexta-feira

É preciso ficar atento às lojas online pelo menos uma semana antes do Black Friday – que, este ano, cairá em 25 de novembro. Tanto as grandes quanto as pequenas costumam fazer pré-promoções bem interessantes nos dias que antecedem a data. No ano passado, as melhores promoções do Black Friday foram encontradas nos grandes sites. Em relação a quatro semanas antes, os descontos oferecidos nos e-commerces de maior porte chegaram a 51,99%, segundo a Big Data Corp.

2 – Faça seu cadastro nos sites antes do Black Friday chegar

É questão de praticidade, mesmo. Como os e-commerces (todos eles) pedem ao consumidor que preencha um cadastro para efetuar qualquer compra, separe um tempinho para já ir se cadastrando nos sites em que você pretende comprar durante o período de promoções. Isto porque, quanto mais próximo do Black Friday, maiores se tornam os riscos de queda de conexão no site escolhido, por causa do imenso fluxo de internautas acessando ao mesmo tempo. Se você já estiver previamente cadastrado, bastará escolher o produto, fazer o login e comprar.

3 – Antecipe suas compras de Natal

Aproveite os dias que antecedem a data para já fazer as compras de Natal. Apesar da crise pela qual passa o País, nada garante que Papai Noel consiga oferecer descontos maiores do que os do Black Friday. Se você procurar bem, pode encontrar produtos com preços até 80% menores, de acordo com a pesquisa BigData. Por isso, o mês de novembro pode ser um bom momento para fazer bons negócios e, também, evitar lojas lotadas e filas nos caixas, cenários tipicamente natalinos.

4 – Conheça os sites participantes antes de ir às compras

Seus maiores amigos durante a data são os sites de defesa do consumidor, como o Procon. Não se engane: ainda tem muita gente que se aproveita da Black Friday para enrolar o consumidor. Se o desconto parecer excessivamente bom, desconfie e busque referências da loja. Outro bom endereço para ter em seus bookmarks é o oficial do evento BLACK FRIDAY.

5 – Tire um tempo, compare preços e ofertas

Mas nem tanto… porque, quanto mais perto da sexta-feira, mais gente passa a comprar, menores ficam os estoques das lojas e as conexões à internet se tornam instáveis. O ideal é fazer a lista de desejos do que você realmente quer comprar bem antes de a febre dos descontos começar. Até para evitar compras por impulso, geralmente equivocadas e por preços mais altos.

6 – Fique de olho no Cyber Monday

É a segunda-feira posterior ao Dia de Ação de Graças, adotada pelo varejo norte-americano para liquidar eletroeletrônicos. E costumam ser ótimas oportunidades para boas compras. Este ano, será no dia 26 de novembro (confira as lojas já cadastradas no site oficial do CYBER MONDAY BRASIL. Segundo estudo da Big Data Corp. feito para o PayPal Brasil, em 2015, promoções online neste dia tiveram adesão de 63,5% dos sites de vendas online nacionais: 100% dos grandes e-commerces e 60,10% dos pequenos.

7 – Denuncie as lojas que vendem gato por lebre

Por último, faça a sua parte e ajude o Black Friday a ficar cada vez melhor. Se, durante suas buscas por promoções, você deparar com ofertas enganosas, entre em contato com os sites de defesa do consumidor, como Procon. Este último tem uma aba voltada especialmente para a data, em que os consumidores podem relatar problemas.

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]