Pesquisar
Close this search box.
/
/
WhatsApp lança guia de negócios e ferramenta de compras dentro do app

WhatsApp lança guia de negócios e ferramenta de compras dentro do app

Novas funcionalidades permitem pesquisas e pagamentos para realizar toda jornada de compras dentro do app, cada vez mais completo

Correspondendo ao carinho que o brasileiro tem com o WhatsApp, a Meta lançou nesta quinta-feira,17, em São Paulo novas funcionalidades exclusivas para negócios no WhatsApp Business Summit. Compras e vendas poderão ser feitas totalmente dentro do WhatsApp, promovendo mais fluidez na jornada do cliente e agregando mais valor aos negócios.

O Guia de Negócios é uma nova ferramenta em que os usuários poderão encontrar produtos e serviços dentro do próprio aplicativo, sem a necessidade de utilizar vários apps diferentes, um para a busca, outro para o relacionamento e mais outro para o pagamento. O recurso, que estava em fase de testes somente na cidade de São Paulo, passa a funcionar em todo o Brasil. Basta clicar no ícone de iniciar uma nova conversa e procurar o ícone de empresas. Já o recurso de pagamento para negócios está em roll out, e já conta com a participação dos adquirentes Cielo, Fiserv, Getnet, Mercado Pago e Rede para a realização do pagamento dentro do zap.

As novas funcionalidades foram anunciadas por Mark Zuckerberg no WhatsApp Business Summit, a primeira conferência de negócios da plataforma no Brasil. “O objetivo final é poder fazer tudo dentro do WhatsApp, por isso a expansão do recurso de Guia para todo o país e o início dos testes de pagamentos. Isso significa que as pessoas poderão encontrá-lo e comprar de você dentro do WhatsApp”, disse Zuckerberg em mensagem em vídeo durante a apresentação.

Leia Mais: Business Messaging e a humanização em apps de atendimento

O presente do negócio é conversacional

Segundo pesquisa da Kantar, 7 em cada 10 brasileiros querem se comunicar com empresas por mensagens, e pelo menos 85% se sentem mais conectados a um negócio quando podem se comunicar dessa forma. Se as pessoas preferem fazer negócios como conversam, a capacidade de organizar relacionamento, catálogos, carrinho de compras e agora pagamentos em um super app que mescla serviços com mensageria, oferece aos negócios de todos os tamanhos e funcionalidades novas possibilidades de relacionamento com o cliente.

“O que estamos trazendo hoje é a oportunidade de evitar a quebra da experiência com a saída do WhatsApp para outros ambientes digitais”, explica Guilherme Horn, head do Whatsapp para a América Latina.

Pagamentos no WhatsApp
Divulgação

A integração do ecossistema de pagamento dentro do WhatsApp é vista pela empresa como uma evolução da comunicação do e-commerce. Segundo Horn, mesmo que a pandemia tenha dado impulso ao comércio online, “não incluiu o relacionamento de confiança que os encontros presenciais promovem”, e o papel do WhatsApp é promover essa conexão.

Por isso a sinergia da tecnologia com o pessoal é o que Horn define como a nova era dos negócios na mensageria, “ao humanizar o e-commerce e devolver a interação pessoal. Não é mais uma tendência emergente, mas uma realidade para empresas de todos os tamanhos”, afirma o diretor Latam do mensageiro.

“Acreditamos que as pessoas devem poder fazer coisas diretamente dentro do WhatsApp”, Matthew Idema

Visitando o Brasil pela segunda vez, o vice-presidente de Business Messaging da Meta, Matthew Idema, destaca a relevância do Brasil para o grupo, especialmente pelo relacionamento com o WhatsApp, ao que ele define como um estilo de vida.

“Quando estive aqui, há cinco anos, fiquei louco com o grau de adesão ao app e como as pequenas empresas já usavam o WhatsApp para fazer negócios. Sempre pensamos que algum dia elas poderiam gerir os negócios pelo WhatsApp, e chegamos quase lá”.

Assine nossa newsletter e fique atualizado sobre as principais notícias da experiência do cliente

Idema aponta três itens que compõem a receita de sucesso para quem quiser entrar no WhatsApp Business para levar seus negócios a um novo nível conversacional.

– Direcione clientes para o WhatsApp

Ofereça utilidade nos serviços, por exemplo atualizações constantes de produtos e serviços e customer servisse atencioso

– Crie uma experiência valiosa para o consumidor

Conversar com o consumidor e facilitar a jornada dele para que ele queira se relacionar e fazer negócios dentro do app

– Permita que eles comprem de você:

Ative o marketing, recomenda o VP de Business Messaging: “consumidores respondem muito bem à abordagem pelo WhatsApp quando o engajamento é eficiente”

Brasil é prioridade

O WhatsApp considera que o Brasil tem um traço fortíssimo de comunidade, e a mensageria mudou a expectativa dos consumidores em relação às empresas de forma definitiva.

Para divulgar as novas funcionalidades, ads no Facebook e no Instagram indicarão quais as marcas já estão disponíveis no WhatsApp. O foco dos novos recursos é contribuir com a expansão dos pequenos e médios comércios. São seis milhões de pequenas e médias empresas no Brasil, responsáveis pela geração de 52% dos empregos do país.

Elas já utilizam o WhatsApp com uma desenvoltura única no mundo para manter e fortalecer seus negócios, destaca o head do WhatsApp no Brasil. “O que os pequenos negócios fizeram com o WhatsApp no Brasil é algo inédito, a forma como eles usaram o WhatsApp para sobreviver na pandemia fez os pequenos migrarem para o mundo digital”.

O único outro país em que as funcionalidades já estão disponíveis é na Índia, onde é possível fazer pesquisas e negócios dentro da plataforma, que não está distante de se tornar um superapp.

Como quem sabe faz ao vivo, a estreia da ferramenta de pagamento foi feita no palco do WhatsApp Business Summit, com uma compra da Grasi, da Collie Acessórios. Intituiva, rápida e autenticada, a compra foi realizada em instantes, com a notificação de todas as etapas do processo instantaneamente.

whatsapp business pagamento
O primeiro pagamento feito pelo Whatsapp no Brasil aconteceu ao vivo, no palco do Summit

Leia Mais: De cada 10 lojas virtuais 7 usam WhatsApp e Telegram nas vendas

O WhatsApp pode estragar o WhatsApp?

Uma das perguntas que veem à mente é se a expansão dos recursos do mensageiro onipresente na vida dos brasileiros não vai estragar a relação com ele. Misturar o grupo da família, o da zoeira nesta migração de um modelo mais conversacional para funcionalidades mais transacionais vem com o risco de prejudicar um modelo de aplicativo que caiu no gosto do brasileiro pela sua simplicidade e objetividade, ao misturar propaganda e aos negócios.

Esse cuidado não passa batido para o Whatsapp, que orienta as empresas sobre a abordagem dos consumidores, e é enfático em relação ao cumprimento da regulação de opt in. “Essa é uma grande preocupação que temos porque o WhatsApp só converte como ferramenta porque ele é relevante para as pessoas. Orientamos as empresas em relação a alguns itens de boas práticas, como não mandar mensagens demais, afinal quem quer ficar recebendo mensagens irrelevantes? Pedir licença é importante, a frequência de mensagens é altamente importante, até o conteúdo e principalmente a personalização”, enumera Horn.

Conheça o Mundo do CX

Além de recomendação de boas práticas, a Meta trabalha com índices de qualidade para os negócios que operam com a plataforma. Os dados de denúncias e bloqueios são monitorados, e o usuário estimulado a avaliar a interação se não for do interesse dele. Segundo Horn, esse poder sempre vai estar na mão do usuário. Isso se traduz em dados de qualidade que reportamos aos comerciantes. “É uma preocupação enorme que a gente tem. O WhatsApp não pode virar um espaço de spam como é o e-mail hoje, senão ele vai deixar de ser relevante para nós usuários para a gente trocar mensagens com amigos e familiares”, finaliza o head do mensageiro na América Latina.


+ Notícias

Popularidade de BeReal, caçulinha das redes sociais, dispara

Pinterest investe em publicidade e lab de tendências

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]