Pesquisar
Close this search box.
/
/
Tendências: as novas cartilhas do atendimento

Tendências: as novas cartilhas do atendimento

Algar Tech aponta as novas condições impostas pelos consumidores às companhias que ainda não entenderam a importância da jornada do cliente

Tendência é um movimento quem combina diversos elementos – tecnologias, negócios, fenômenos naturais, produtos disruptivos – e que provocam mudanças sensíveis no comportamento das pessoas. Elas impactam setores diversos e podem trazer muitas oportunidades. A dificuldade está em detectar e interpretar quais as tendências dominantes que podem confrontar decisivamente os modelos de negócios existentes, atropelando empresas incumbentes de modo repentino.

No cenário atual, os desafios se multiplicam porque clientes de todas as partes do mundo mudaram radicalmente seus perfis de consumo. Portanto, estrelar entre as corporações que melhor os atendam requer, antes de tudo, entender as características do novo consumidor.

Hoje, 63% deles compram on-line porque querem receber suas compras em casa, 57%, porque os preços são mais baratos, 54% apenas porque julgam mais conveniente, e 50% porque ficam menos reféns do horário comercial e podem comprar ao longo das 24 horas do dia.

Com atenção há 22 anos dedicada e esse principal ativo, Marco Aurélio Matos, diretor-executivo de Negócios BPO da Algar Tech, grupo especialista em processos de negócios, dividiu conosco a nova personalidade comum aos compradores modernos: exigentes, infiéis, informados, desconfiados e ávidos por consistência.

De antemão, o especialista adianta que, para garantir serviços, produtos e experiências superiores às dos concorrentes é necessário “buscar inspiração nas melhores soluções para cada jornada, independente da indústria de atuação”.

Nem digital, nem físico. Phygital!

Você já deve ter feito compras em lojas virtuais de dentro das próprias lojas físicas a fim de comparar os valores, se certificar de que levará os produtos pelo melhor preço e com retirada na mesma hora, não é mesmo?

A tendência da experiência físico/digital se torna ainda mais confortável quando a troca de uma compra presencial pode ser feita pelos canais on-line, sem quaisquer esforços para termos de retornar ao local.

Nessa espetacular jornada em que o cliente tem o controle total de escolha, o cenário se torna cada vez mais competitivo. E isso porque, se a pandemia colocou a prova o potencial de Customer Experience de milhares de empresas, quem mais se deu bem, nesse sentido, foram os próprios consumidores.

No entanto, o combo de experiências digitais com as físicas requer entendimento do perfil do comprador, os canais que ele mais gosta de acionar, e quais suas expectativas com as marcas sob sua mira. Diagnosticado o comportamento desse ativo, é hora de pensar, então, nas tecnologias certas para cada tipo de corporação e, para isso, em muitos casos é imperativo remodelar toda uma cultura e migrar de uma visão fragmentada, para uma visão integrada.

“Isso é possível quando se conhece bem o negócio, os processos e os clientes. Para que este movimento ocorra, sempre sinalizamos nossos contratantes que é imprescindível estar aberto para esta transformação, e que o trabalho seja orientado para a satisfação e experiência do cliente final. A tecnologia e a inovação são os meios para otimizar a relação entre as partes, por isso a Algar Tech estuda necessidades e faz, antes de tudo, uma imersão nos processos das empresas antes de sugerir qualquer solução”, reitera o executivo.

Queremos consistência

Permanecer na lembrança dos consumidores após a entrega do produto ou serviço entregue exige, antes de tudo, orquestrar a linguagem de todos os canais de atendimento, que hoje, não são poucos.
56% dos compradores sucumbiram pela primeira vez ao e-commerce em 2020 motivados pelo isolamento social imposto pela pandemia, segundo dados do estudo desenvolvido pela Criteo, empresa do setor de publicidade e anúncios gráficos on-line.

E o mergulho no digital foi “de cabeça”. Mesmo o recém-chegado navegador já percorre cerca de cinco canais de atendimento durante a jornada de compras quando tem esses pontos de contato todos disponíveis. E ele não quer menos.

No melhor espírito do pós-consumidor, a expectativa é que as diversas frentes de acesso de uma empresa apresentem os mesmos preços e linguagens, o que torna inaceitável a falta de integração e linearidade entre os multicanais, especialmente agora que os negócios adotam o conceito phygital e devem proporcionar um ganho de tempo com conveniência.

“Colocar-se no lugar do cliente e desenvolver o desenho de sua jornada de compras é o caminho que usamos para compreender suas dores e expectativas em cada etapa do processo. A partir daí, levantamos insights valiosos com o uso de metodologias de Customer Experience, brainstorming, análise de dados, ideações, cocriações, envolvimento de times multidisciplinares, dentre mecanismos diversos. Essa construção se torna a experiência ideal para o consumidor, uma vez que ele terá um atendimento mais ágil, resolutivo e de menor esforço”, complementa.

Convite à fidelidade

Contra a tendência da infidelidade comum aos consumidores modernos – característica que mais assombra empresários em todo o mundo, a Algar Tech vem somando aplicações tecnológicas ao mercado que geram novas experiências com a promoção de valor contínuo ao longo de todo o relacionamento com marcas de setores distintos.

A exemplo da Ana, BOT desenvolvido pelo grupo para diminuir os esforços de uma companhia que presta soluções de TIC (tecnologias da informação e comunicação) em 17 estados do país, com mais de 1,3 milhões de clientes.

A automação via WhatsApp teve o NPS – métrica que mede o grau de lealdade – maior que o atendimento humano (52 contra 48), com redução das rechamadas, que agora passaram a ser apenas 8%. A retenção bruta foi de 68%, enquanto a líquida, de 50%.

A solução proporcionou experiências padronizadas em todos os canais, sem filas, e com atendimento total em menos de um minuto para segunda via de contas e código de barras.

“Acompanhar as novas tendências é isso. Dar autonomia para os clientes em relação às suas solicitações e, ao mesmo tempo, diminuir esforços, seja por chatbots, canais digitais, ou a tecnologia que seja. Nesse sentido, é importante destacar que o processo de melhoria contínua tem papel fundamental na construção da relação de encantamento entre o cliente e a marca”, finaliza.


+ Notícias

Algar Tech adota home office permanente em posições de atendimento

Fornecedoras de transformação digital chegam a dobrar carteira de novos clientes

Por dentro das mudanças de comportamento que surgiram na pandemia


 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]