Pesquisar
Close this search box.
CLARO | SAC em Libras

CLARO | SAC em Libras

Inovação supera exigências da Anatel e aprimora experiência de clientes com deficiência auditiva

claro

Em 2016, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) instituiu o Regulamento Geral de Acessibilidade (RGA). A partir dele, tornou-se obrigatória a implementação da Central de Intermediação de Comunicação (CIC), na qual operadores especializados fazem a intermediação entre clientes com deficiência auditiva ou de fala e atendentes do SAC das empresas. A regra teve de ser cumprida por todas as operadoras e trouxe benefícios aos clientes de todas elas. Porém, quem soube ir além das regras, aprimorando ainda mais o atendimento acessível, tem um diferencial.

“O Brasil tem evoluído significativamente quando o assunto é acessibilidade. Entretanto, ainda temos muito o que aprender e avançar”, comenta explica Andréa Campos, diretora de Experiência do Cliente da Claro. “As pessoas têm diferentes habilidades, necessidades e preferências e, quando trazemos essas individualidades para o mundo corporativo, precisamos lembrar que o atendimento ao cliente, seja presencial ou remoto, é a linha de frente, talvez o principal reflexo da estratégia, da missão e dos valores de cada empresa”.

Portanto, como argumenta a executiva, é fundamental que o relacionamento esteja apto a solucionar demandas, fortalecer vínculos de confiança e realizar novas vendas. Para isso, um atendimento acessível é indispensável. “Se queremos promover a melhor experiência para os consumidores, precisamos olhar muito além”, diz.

Para a Claro, entregar soluções de acessibilidade não pode ser apenas uma obrigação ética ou legal, mas também uma oportunidade de inovar e de buscar a melhoria constante na experiência. “Essa perspectiva, além de atender às necessidades dos clientes, também promove um ambiente cada vez mais inclusivo e de mais oportunidades de negócio”, defende Andrea.

PARA ALÉM DAS REGRAS

Nesse sentido, a empresa identificou que era preciso ir além das regras da Anatel: mais do que disponibilizar um intermediário para o atendimento, era preciso dispor de um SAC exclusivo em Libras. “Em vez de ter de acessar o SAC da empresa via CIC, o cliente tem acesso direto a uma equipe qualificada para atender às suas necessidades em Libras, sua Língua de uso diário”, explica Andréa.

Para desenvolver esse modelo de atendimento, a Claro teve de investir em uma plataforma que possibilitasse atendimento por videochamada com excelente performance e, é claro, com pessoas qualificadas para esse trabalho. “Nosso time é composto por profissionais altamente qualificados que, além da fluência em Libras, têm grande conhecimento técnico e, por isso, tratam de qualquer assunto relacionado aos produtos e aos serviços da Claro”, detalha a executiva. Em paralelo, a CIC continua disponível – inclusive, pode ser usada para acionar serviços de emergência, agendar consultas e até mesmo para pedir uma pizza.

Ainda com o objetivo de garantir a autonomia do cliente, a Claro investiu em uma parceria com a Hand Talk e, já há alguns anos, oferece em seu site o recurso de um tradutor de Libras virtual, facilitando, assim, a navegabilidade pelo ambiente digital. Dessa forma, o cliente pode conhecer produtos e serviços, checar informações e, muitas vezes, conseguir a informação que precisa sem ter de acionar o SAC. “O Hugo e a Maya, nossos tradutores virtuais, fazem a tradução automática de todos os textos do site, com o uso de Inteligência Artificial”, conta Andréa.

A Claro busca sempre monitorar a qualidade do canal com foco na excelência e na experiência do cliente, garantindo que tenha uma jornada de atendimento fluida e resolutiva. Para isso, monitora constantemente a performance da plataforma de atendimento – desde o acesso pelo cliente até a finalização do atendimento – bem como da qualidade da comunicação e das informações prestadas. Nosso time de atendimento recebe treinamentos periódicos para que possamos estar sempre em evolução.

APRENDIZADOS

As recomendações geradas por experiências acessíveis são um ativo inestimável, que inclusive permitem identificar pontos em que ainda é possível melhorar (e que, inclusive, demandam aprimoramento constante).

São eles:

  1. Olhar as pessoas como seres individuais que têm expectativas e necessidades diferenciadas
  2. Ter equipes mobilizadas, preparadas e com empatia para atender pessoas, inclusive aquelas que necessitam de atendimentos acessíveis
  3. Os processos também precisam garantir que todos os clientes tenham acesso aos mesmos níveis de serviço, promovendo a compreensão, o respeito e uma boa experiência para todos
  4. Os indicadores precisam atestar que esses desafios estão sendo atendidos – não na média, mas em sua totalidade, cada vez mais
  5. Buscar inovações que garantam a acessibilidade de serviços e dos atendimentos do ponto de vista dos clientes, constantemente

SUMÁRIO – Edição 283

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Imagem idealizada por Melissa Lulio,
gerada por IA via DALL·E da OpenAI, editada por Nádia Reinig


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

Coordenador de Marketing de Performance 
Jonas Lopes 
[email protected]

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 283

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Imagem idealizada por Melissa Lulio,
gerada por IA via DALL·E da OpenAI, editada por Nádia Reinig


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

Coordenador de Marketing de Performance 
Jonas Lopes 
[email protected]

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]