Pesquisar
Close this search box.
/
/
A revolução dos meios de pagamento e seu impacto na Experiência do Cliente e nos marketplaces

A revolução dos meios de pagamento e seu impacto na Experiência do Cliente e nos marketplaces

É impressionante a quantidade de inovação aplicada aos meios de pagamento. Mas o que podemos aprender com essa inteligência?

A inovação aplicada aos meios de pagamento tem sido surpreendente, mas o que podemos aprender com essa inteligência? Além de impulsionar o crescimento econômico, os pagamentos em tempo real, via transferência direta, adquirência, carteira digital ou QR Corde oferecem velocidade, conveniência, presença ubíqua e excelente relação custo-benefício. Países como Índia, Reino Unido, Brasil e Austrália já desfrutam dessas vantagens. O sucesso do Pix já é case mundial e bastante comentado nos corredores do Money20/20. Mas de que forma é possível entender a dinâmica dos meios de pagamento para além do que conhecemos hoje?

O Brasil descolado da America Latina

Os melhores meios de pagamento não passam pelo cliente

O meio de pagamento mais adequado é sempre aquele que o cliente considerar mais conveniente dependendo de sua jornada e momento. Essa é uma verdade consolidada e, por isso, ela pede uma abordagem baseada em UX (User Experience).

Kristen Berman CEO da Irrational Labs money20/20

Kristen Berman, CEO da Irrational Labs mostrou como a abordagem do design comportamental potencializa negócios e torna o pagamento mais seguro,inteligente e simples. O design comportamental mostra aos profissionais de marketing e designers como turbinar seus produtos. O segredo? Não dê ouvidos aos seus clientes. A relação dizer/fazer nos serviços financeiros é terrível. Você precisa usar psicologias subjacentes para impulsionar a visão do produto. Kristen defende que como a imagem dos bancos é tradicionalmente opaca, a tomada de pulso do cliente enviesa a opinião e torna muito difícil entender o que realmente significa oferecer pagamento e uso de serviços financeiros sem atrito.

A inovação em meios de pagamento passa justamente pela vontade de abraçar a complexidade. Isso porque meios de pagamento efetivos não apenas são desenhados para tornar a vida do cliente mais simples, mas também entendem qual a forma de pagamento mais adequada.

Uma preferência de pagamento para cada tipo de negócio

Os meios de pagamento também obedecem à natureza dos segmentos de negócio. Por exemplo, ainda que seja possível, dificilmente veremos uma pessoa comprar um carro no cartão de crédito. É o que afirma Tracy Monson, Chief Product Officer da Onbe, participante de um dos muitos painéis sobre pagamentos no Money20/20: “neste segmento automotivo, a complexidade é grande. Temos de considerar incentivos (bônus, troca com troca, revenda, acordos de refinanciamento, pagamento de empréstimo automático). Mas qualquer que seja a modalidade, há um tema em que os clientes esperam e exigem: opções de pagamento mais rápidas e flexíveis”.

Para a executiva, é imperativo considerar que as preferências do cliente podem mudar. Onde talvez no passado um cheque em papel fosse perfeitamente aceitável, hoje seria visto como um problema. “Os consumidores querem escolha e controle sobre essa decisão”, observa Tracy.

Quando olhamos para o segmento de investimentos, há outros fatores a considerar, que levam em conta não exatamente o pagamento, mas os demais serviços financeiros. A Inteligência Artificial torna a experiência financeira mais intuitiva e mais integrada. É possível obter um empréstimo, desinvestir algum recurso e fazer isso com o menor uso do próprio tempo. E, nos últimos 11 meses, a IA generativa dominou todas as conversas sobre novas tecnologias, incluindo sua aplicação em aconselhamento financeiro e de investimentos.

Assim, é importantíssimo estabelecer parcerias com fornecedores de soluções, basicamente locais para criar meios de pagamento alternativos. Porque os dados mostram que 80% de todos os usuários abandonam o processo de compra se não encontrarem seu método de pagamento preferido. Esse é mais um desafio na experiência do pagamento, ainda mais quando outro dado salta aos olhos: 4 em cada 10 meios de pagamento do usados pelos clientes são negados. Não por acaso, quando uma empresa consegue reverter dois desses quatro, já está aumentando sua taxa de sucesso entre 15% e 25%.

Mesmo com automóveis, seria aconselhável pedir um café da manhã e efetuar o pagamento por sistemas instalados no automóvel? A solução já existe nos carros da Mercedes, na Alemanha. A montadora alemã agora tem função de pagamento habilitada, um sistema muito parecido com os disponíveis no mercado brasileiro, mas incorporado diretamente nos sistema do automóvel. Com ele, é possível pagar estacionamentos e também a recarga de eletricidade em postos do gênero. Ê o que se chama de comércio contextual, inteligente e conveniente.

Da IA para a Computação Quântica

Nesse sentido, incorporar IA aos negócios tem grande probabilidade de acerto. Pesquisa da consultoria Bain & Co, mencionada por Erin McCune, sócia da empresa, aponta que a inteligência artificial é uma prioridade absoluta para os executivos de grandes empresas mundo afora. Entre 70% a 75% acreditam que a IA irá alterar o envolvimento do cliente. Além disso, entre 60% a 70% acreditam que a IA irá perturbar significativamente a estrutura de custos de suas indústrias, pois isso vai além dos pagamentos. E 60% a 65% acreditam que a IA irá revolucionar a concorrência, possibilitando a diferenciação dos produtos principais.

As possibilidades de tornar o pagamento cada vez mais integrado a um cotidiano intuitivo estão em aberto. O fato é que a antiga pergunta que fazia parte de comerciais da tradicional “Casas Bahia”, ícone do varejo brasileiro: “Quer pagar quanto?” está se transformando em: “Quer pagar como?” E você, leitor e leitora, já fez sua escolha?



Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 285

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
Rhauan Porfirio | Nathalia Parra


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Angela Souto
[email protected] 

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
Nathalia Parra | Zootz Comunicação

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]