Pesquisar
Close this search box.
/
/
Gestão integrada de canais para realizar sonhos

Gestão integrada de canais para realizar sonhos

Samuel Alcantara, head de Operações e Atendimento na Webmotors, comenta a importância da multiplicidade de canais no atendimento

No atual cenário em que vivemos, entender os diferenciados perfis de clientes e gerar soluções cada vez mais personalizadas deixou de ser um diferencial para as empresas e se tornou necessário do ponto de vista comercial. A virada de chave pode estar, então, na forma como a marca consegue mapear a vontade do consumidor e em quais ferramentas (e canais) a organização vai incorporar ao seu core para que essa preocupação seja, de fato, percebida pelo usuário.

Assine a nossa newsletter e fique por dentro das notícias da Consumidor Moderno  

No segmento de vendas automotivas, em particular, atuamos diretamente com a realização de sonhos. O cliente pode estar à procura de um modelo mais novo ou mais em conta, ou de um serviço de manutenção que garanta a melhoria do veículo. Seja qual for o motivo, o automóvel está no imaginário do consumidor como um objetivo a ser alcançado.

Ao colocarmos a vontade do cliente no centro das atenções, estamos adequando os recursos tecnológicos disponíveis no mercado à necessidade do usuário com foco em aproximá-lo cada vez mais do nosso modelo de atuação e garantindo a ele a percepção de que a nossa marca está preparada para atendê-lo com conforto, praticidade e, acima de tudo, segurança.

O desafio dos múltiplos canais

O grande desafio do atendimento por múltiplos canais está em entender cada uma das vias existentes para melhorar a experiência do consumidor antes mesmo de ele chegar até esta ou aquela marca. Em quais redes sociais o cliente está? Quais filtros de busca ele prefere? Que soluções ele procura para facilitar a tomada de decisão? O atendimento via chatbots, por exemplo, vai sanar as dúvidas e expectativas deste usuário?

Conheça o Mundo do CX

Diante de tantas questões, contudo, existe uma certeza: o esforço conjunto para oferecer soluções personalizadas precisa estar direcionado para levar a mensagem certa ao canal certo. Afinal, é mais assertivo quem sabe em quais canais deve estar e incorporar a eles a excelência no atendimento ao cliente do que desenvolver uma série de opções de atendimento sem aperfeiçoar nenhuma delas.

Outro ponto importante é que o sucesso dessas ações passa por uma mudança de cultura interna. Mais do que isso, todas as áreas que compõem a empresa precisam estar alinhadas e adotar um discurso único. E não para por aí: é necessário que a equipe de pesquisas esteja interligada com o time de dados, que, por sua vez, vai interagir com o departamento de inovação — e assim por diante.

Leia mais: Por que a omnicanalidade extrapola a integração de pontos de contato

Dados e segurança durante a jornada

Durante a fase mais crítica da pandemia, pudemos assistir de perto à transformação no gerenciamento dos dados do consumidor, assim como às empresas entendendo rapidamente que o cenário de compra e venda havia se modificado a ponto de nunca mais voltar a ser o que era. O consumidor passou, assim, a buscar soluções online para questões que até então eram resolvidas, na maioria das vezes, em ambientes físicos.

Nesse período, participei ativamente de processos de identificação e proposição de soluções ao cliente do setor automotivo que foram bem-sucedidos. Por meio de times dedicados a compreender o que consumidor estava buscando naquele momento, criamos, por exemplo, um serviço em que todo o processo de pesquisa, financiamento e fechamento da compra de um veículo pudesse passar a ocorrer totalmente em ambiente virtual, culminando com o cliente recebendo, na porta da sua casa, o carro comprado online — com todos os protocolos de higienização e distanciamento sociais respeitados.

Leia mais: Além do preço: como monitorar sua presença no e-commerce de forma eficiente?

Com base nesse caso de sucesso, gostaria de deixar uma reflexão importante: é fundamental identificar os principais canais pelos quais o cliente estabelece sua jornada de compra, desde a busca até a efetivação do negócio. Ainda que a solução não seja inovadora, o que vai gerar nesse consumidor a percepção de que a marca entrega o que ele procura é exatamente aquilo que vai garantir o engajamento dele com o negócio.

*Samuel Alcantara é head de Operações e Atendimento na Webmotors


+ Notícias

Será que o futuro do mundo corporativo inclui a transparência salarial?

Entender a Geração Z também é saber que um a cada três deles não conhecem os Beatles 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]