Pesquisar
Close this search box.
/
/
Reinvenção do espaço urbano para criar CX

Reinvenção do espaço urbano para criar CX

Em Lisboa, para o Web Summit, o time da Consumidor Moderno conheceu espaços obsoletos que foram recuperados e dinamizados

Em tempos de mudança acelerada da relação das pessoas com o espaço urbano, é importante entender como revitalizar bairros e reintegrar comunidades para proporcionar mais qualidade de vida e novos momentos de consumo.

A delegação Oásis Lab, com o apoio da Consumidor Moderno, está em Lisboa para acompanhar e fazer a curadoria de conteúdo do Web Summit, maior evento de Tecnologia e Transformação Digital do mundo.

É de Lisboa que conhecemos lições inspiradoras sobre essa nova relação das pessoas com o espaço urbano que se conectam à procura de experiências de consumo mais gratificantes e enriquecedoras.

Isso significa repensar bairros que conheceram períodos de grande afluência e influência em uma era industrial, superada por mudanças demográficas e econômicas. Logo depois do auge, no entanto, várias paisagens urbanas conheceram a obsolescência e o abandono.

Essa consequência é facilmente percebida nas metrópoles brasileiras. Não são poucos os bairros em estado de abandono, que hoje abrigam cortiços, negócios decadentes, que são símbolos da degradação urbana em nosso país.

Em Lisboa pudemos verificar o oposto, bairros revitalizados como Alcântara, Santo Amaro e a área do Cais do Sodré e outros espaços absolutamente notáveis, como o Hub Criativo do Beato e a LX Factory.

Conheça o Mundo do CX

Uma assinatura de autenticidade em CX

Mistos de espaços públicos, centros de convivência, espaços de gastronomia, cultura e negócios, proposituras de magníficas jornadas e CX, são símbolos de revitalização e reenergização de áreas urbanas residenciais em Lisboa.

A ideia é trazer pequenos produtores, artesãos, artistas, empreendedores e profissionais da economia criativa lusitana para apoiar suas atividades e gerar negócios, ao mesmo tempo em que criam constantemente novidades para a comunidade.

Esses ambientes multifatoriais e multiatrativos ganham força expressiva e sensorial, estimulando novos empreendimentos no entorno 

A concepção desses empreendimentos é partir de instalações antiquadas e abandonadas que, por meio de parcerias público-privadas, ganham nova vida e propósito, conectando talentos e atraem pessoas de outras áreas da cidade e, mais importante, turistas em busca de ambientes que tragam uma assinatura de autenticidade.

Esses ambientes multifatoriais e multiatrativos ganham força expressiva e sensorial, estimulando novos empreendimentos no entorno. A experiência do LX Factory e do Hub do Beato, por exemplo, ajudam a criar polos de desenvolvimento com escritórios comerciais que se moldam a partir desses espaços, evolutivos, orgânicos e adaptáveis.

No início, o ambiente parece “outsider”, mas na verdade são locais que se alteram preservando em sua essência um DNA particular, que tem plasticidade para ser relevante a qualquer público, de forma inclusiva, democrática e aberta.

Confira a maior análise já feita sobre a maturidade do CX Made In Brazil

Espaço urbano e CX Made In Brazil

Claro que pensamos o que impede o Brasil e nossas cidades de aprender com estes exemplos marcantes de reinvenção e renovação. Lisboa mostra que ao dar lugar e condições para pequenos empreendedores, com colaboração do poder público e do capital privado, um novo tipo de varejo ganhe evidência e funciona como um laboratório para grandes marcas.

Toda essa concepção e esses insights foram apresentados brilhantemente por Júlio Takano, um dos grandes especialistas em arquitetura de varejo do Brasil, e estudioso de olhar aguçado das manifestações criativas dos espaços urbanos.

Ao mesmo tempo em que nos encantamos com essa face criativa que pulsa em cidades como Lisboa, com essa disposição para a recuperação e revitalização urbana, olhamos com tristeza para regiões como o centro de São Paulo, que poderia trazer experiências exuberantes como essas se houvesse algo além de disputas por espaço, poder e grana.

Vale destacar que essa concepção inovadora de cidade, que recupera, renova, reimagina e cria, mantendo essências e personalidades é uma ideia poderosa para inspirar empresas sempre às voltas com os dilemas de repensar negócios diante de mutações em série.

Uma parte desse aprendizado está conectada, intencionalmente, com projetos de urbanidade. As empresas são parte do processo de reconstrução de áreas históricas, pois elas permitem a formação de vínculos sólidos com consumidores e influenciadores.

As lições de Lisboa e de outras cidades, particularmente as europeias, em busca do resgate da sua essência, com um olhar para o futuro, indicam um caminho mais virtuoso para o mercado.

Imaginemos essas ideias e iniciativas combinadas com a força do CX Made in Brazil. Podemos vislumbrar não apenas uma nova paisagem para locais abandonados nas cidades brasileiras, mas, uma ideia poderosa de um país mais generoso, empreendedor e com mais oportunidades.

*A cobertura do Web Summit é uma parceria da Consumidor Moderno com Oásis Lab.


+ Notícias

No Web Summit, Geração Z, vida digital e IA, tudo junto e misturado

5 setores tradicionais que estão em transformação digital 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 284

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos na era da Inteligência Artificial, dos dados e de um consumidor mais exigente, consciente e impaciente. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo: das decisões, estratégias e inovações.
O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia. Ele quer respeito absoluto pela sua identidade, quer ser ouvido e ter voz.
Acompanhar cada passo dessa evolução é um compromisso da Consumidor Moderno, agora um ecossistema de Customer Experience (CX), com o mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor, inteligência relacional, tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a experiência de modo eficaz, conectando executivos e lideranças.

CAPA:
YUCA | Estúdio Criativo

ILUSTRAÇÃO:
Midjorney


Publisher
Roberto Meir

Diretor-Executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-Executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-Comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Elisabete Almeida
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

Fabiana Hanna
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head de Conteúdo e Comunicação
Verena Carneiro
[email protected]

Head de Conteúdo
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-Assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Danielle Ruas 
Jéssica Chalegra
Julia Fregonese
Marcelo Brandão

Designer
Melissa D’Amelio
YUCA | Estúdio Criativo

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Líder de Marketing Integrado 
Suemary Fernandes 
[email protected]

Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com autorização da Editora ou com citação da fonte.
Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright,
sendo vedada a reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados
e informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]