Pesquisar
Close this search box.
/
/
4 lacunas que sua empresa deve preencher no atendimento ao cliente

4 lacunas que sua empresa deve preencher no atendimento ao cliente

Um bom atendimento é uma questão de estratégia de marketing, de vendas e também de experiências. Saiba como melhorar o cenário

Atender bem os consumidores é mais que uma questão de necessidade. É uma estratégia para que qualquer negócio possa se manter ativo e crescer. No entanto, ainda há empresas que deixam a desejar neste sentido.

Uma pesquisa global realizada pela Zendesk, com 2.600 empresas de médio porte e 600 líderes de atendimento ao cliente em 84 países, identificou as principais lacunas no atendimento ao cliente que empresas cometem. Veja quais são:

 1. Ter somente um canal de contato

Um dos assuntos que ainda pode gerar clientes insatisfeitos e baixa produtividade da equipe é a quantidade de canais de atendimento que uma empresa oferece. De acordo com o estudo, mesmo que os estabelecimentos estejam cientes desta importância ainda há um atraso significativo no cenário.

Os dados mostram que 50% do grupo de líderes participantes da pesquisa ainda dependem apenas das caixas de e-mails compartilhadas para gerenciar a maioria das tarefas das equipes, enquanto apenas 35% do grupo combina software de atendimento ao cliente com outros métodos de contato e possui uma abordagem omnichannel, por exemplo.

Contudo, 77% desses líderes afirmam que avaliam o sucesso do relacionamento com seus usuários com base no fornecimento de diversos canais de atendimento.

SOLUÇÃO: Atendimento multicanal é a chave para o problema. Voltada ao comportamento do novo consumidor, a tendência de multicanalidade é importante para todas as etapas da jornada de compra e para tornar a experiência do cliente muito melhor. Pode apostar!


2. Lentidão na resposta

Na maioria das vezes os consumidores possuem pouco tempo na agenda e buscam uma maneira de resolver seus problemas com agilidade. Os líderes também se enquadram neste aspecto: 87% revelaram medir a eficácia de suas equipes com base na rapidez com que as respostas são fornecidas aos clientes.

No entanto, 46% das solicitações dos clientes que chegam para suas equipes de suporte não recebem respostas nas primeiras oito horas após o envio dos pedidos.

Muitas empresas são ainda mais lentas quando se trata de fornecer atendimento omnichannel. Segundo o estudo, elas possuem 20% menos chance de utilizar uma solução que combine software de suporte ao cliente, autoatendimento e canais em tempo real do que as equipes voltadas para o consumidor final em empresas de médio porte.

SOLUÇÃO: Realizar respostas rápidas e eficientes. O simples gesto faz com que as conversas fluam melhor entre todas as formas de contato e a equipe de atendimento tenha uma visão clara das interações dos usuários. Ou seja: é um benefício tanto para o cliente como para as empresas.


3. Não investir em autoatendimento

robôs

De acordo com um artigo da Harvard Business Review, atualmente 81% dos clientes no mundo preferem os canais que possuem algum tipo de autoatendimento.

No entanto, a pesquisa da Zendesk mostrou que apenas 15% das equipes dos líderes contam com essa estratégica para responder às solicitações de clientes, enquanto 58% deles revelaram que avaliam o sucesso com base na capacidade de os clientes encontrarem as respostas sozinhos.

SOLUÇÃO: Configurar uma resposta automática pode economizar tempo e gerar experiências positivas, seja por e-mailchats, redes sociais ou outros canais. Contudo, é indispensável que depois da resposta tenha uma pessoa olhando o problema e possa resolvê-lo o mais rápido possível. Não tenha medo de investir em novos meios!


4. Dados desconectados de clientes

De acordo com o estudo, na maior parte das vezes, as empresas analisadas não adicionaram ferramentas relacionadas às redes sociais, faturamento, comércio virtual e automação de marketing para seus clientes nos últimos anos. O que pode ser prejudicial, já que em um ano, 90% das empresas de médio porte incorporam cerca de cinco aplicativos e integrações para ajudá-las a coletar dados de seus clientes.

Ainda assim, mesmo que o avanço na modalidade não tenha sido relativamente grande, 67% dos líderes concordam que integrar fontes de dados para criar perfis de clientes que incluem históricos de pedidos, interações passadas e outros detalhes possibilitam que a equipe ofereça melhores serviços.

SOLUÇÃO: Conheça seu público alvo e invista em aplicativos e no e-commerce. Conhecer o perfil do cliente ideal é essencial para tornar o trabalho da equipe de atendimento mais assertivo. Valorizando estas questões as empresas conseguirão miniminizar falhas alcançar ações bem-sucedidas.


+ NOTÍCIAS 

LATAM investe em atendimento ao cliente e eleva índices de satisfação

Como participar da “Economia da Experiência” em 2020

Expectativa do empresariado para negócios no Brasil é positiva, diz pesquisa


Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]