Os consumidores brasileiros têm duas vezes mais chances de fazer compras por meio de dispositivos móveis do que pelos computadores.

No Brasil e no mundo, o consumo digital já se tornou um hábito – principalmente depois da pandemia de Covid-19.

A jornada deixa de depender apenas dos sites e apps das próprias varejistas e marketplaces, e poderá ser iniciada em todo lugar – onde o cliente estiver e quiser passar o seu tempo.

Para entender os clientes e o que realmente interessa a eles nesta jornada de compra, a ideia compartilhada pela Amazon é sempre começar pela necessidade e pelo benefício do cliente, a fim de realizar o caminho inverso para desenvolver rapidamente estratégias e criar soluções significativas para suas vidas.

Esta iniciativa está relacionada ao esforço da empresa em entregar o que é mais relevante para o cliente – seja preço baixo, seja uma vasta seleção de produtos em mais de 30 categorias ou até mesmo uma entrega rápida que facilite a rotina do consumidor.

Saiba todas as respostas da entrevista no Portal Consumidor Moderno. Confira agora e atualize-se.