A era da experiência sensorial: Por que as marcas estão apostando em lojas conceito?

Em tempos de e-commerce em alta, a relevância de lojas físicas como estratégia de marca tende a diminuir? Não necessariamente, em especial se falamos de lojas conceito.

Essas lojas são projetadas para transmitir a identidade, os valores e a história da marca por meio de micro-momentos de experiência imersiva para os clientes.

Lancôme, Lacoste e O Boticário são exemplos de marcas que investem nestes espaços de experiência única para os consumidores

“É um ambiente único, cuidadosamente planejado e projetado para criar uma experiência memorável" , explica Julio Takano, CEO da KT Retailing-Arquitetura de Negócios.

Ele acredita que este tipo de loja física tem se tornado cada vez mais popular no varejo, pois oferece uma vivência imersiva que não pode ser replicada no ambiente virtual

Leia o artigo completo no Portal Consumidor Moderno