/
/
/
/
/
Mercado Pet e novos nichos para crescimento

Mercado Pet e novos nichos para crescimento

Aumento da procura por alimentos naturais e o crescimento de biotecnologias são alguns dos novos nichos para o mercado pet. Entenda

O crescimento do mercado Pet no Brasil vem registrando índices surpreendentes, principalmente desde a pandemia. Em 2021, a área teve um aumento de 50% em relação aos dois anos anteriores, para atender os 149,6 milhões de animais de estimação do país, segundo censo do IPB (Instituto Pet Brasil). Esses números colocam o Brasil como terceiro país em quantidade de animais domésticos, o que significa que cerca de 70% da população tem um pet ou conhece alguém que tenha.

Um estudo do Insigths Partner aponta que o segmento de alimentos naturais para Pets deverá chegar a US$ 15,6 milhões até 2028. O aumento de tutores que buscam uma alimentação mais natural, que se declaram vegetarianas ou veganos, como também dos cãezinhos alérgicos ou intolerantes à proteína animal e glúten, justificam o crescimento do segmento.

Conheça o Mundo do CX

O nicho da alimentação natural para Pets

Segundo Juliana Marino, fundadora da PetVegan, empresa pioneira no setor de petiscos naturais para pets, a expansão deste mercado se dá principalmente pela preocupação dos tutores com a saúde de seus animais. Esses tutores evitam que seu pet consuma produtos artificiais e que contenham propriedades que possam causar alergias, problemas digestivos, dermatológicos ou outras condições que comprometam a saúde. “Assim como as pessoas têm buscado uma alimentação mais saudável para si, é comum observar a mesma preocupação em relação a alimentação dos pets”, diz Juliana.

Hoje, as principais redes de petshops do país já contam com gôndolas ou espaços dedicados exclusivamente aos petiscos e rações naturais. Empórios, que já se dedicavam ao comércio de produtos naturais para humanos, começam a enxergar o nicho da alimentação natural para pets e têm destacado espaços específicos para a exposição e vendas desses itens. Segundo Juliana, os preços não diferem dos produtos premium, o que oferece ao consumidor a oportunidade de escolha baseada na qualidade alimentar.

Além dos alimentares, o mercado de produtos naturais tem oferecido também outros itens. A PetVegan, por exemplo, conta com uma coleira para cães e gatos, em diversos tamanhos, que funciona como um repelente natural, a base de Erva de Santa Maria & Neem. Apresentando eficácia contra pulga, carrapatos e outros insetos, o produto é totalmente atóxico e livre de venenos.

Leia mais: Dos 10 e-commerces mais acessados do país, um quarto é asiático

O potencial da biotecnologia para Pets

O mercado biotech também se apresenta como mais um nicho de crescimento para impulsionar ainda mais o setor Pet. Hoje, há uma demanda crescente para a chegada de novos produtos e serviços que atendam os desejos dos tutores em garantir a saúde e o bem-estar do aninalzinho.

No entanto, grandes biotechs de saúde animal estão mais focadas em inovar e desenvolver produtos para animais de produção, enquanto os Pets ficam com os modelos tradicionais de tratamentos. Dessa maneira, existe uma enorme possibilidade para startups focadas na detecção e tratamento de doenças mais complexas para pets se desenvolverem no mercado.

Para o biólogo Alan Branco, diretor científico da Petbiomas, o mercado de biotecnologia para os pets ainda é muito incipiente. “É de suma importância que os grandes players fomentem estudos que beneficiem principalmente a qualidade de vida dos melhores amigos do homem, bem como o desenvolvimento de negócios promissores e inovadores”, comenta.

Alaíde Barbosa, CEO da Capri Venture, companhia que tem o propósito de transformar o ecossistema pet, o caminho para as pet techs é “estabelecer presença digital”. “É preciso também contar com um MVP (produto mínimo viável) validado, apostar em diferenciais e trazer algo novo para o mercado, sempre em busca da melhor qualidade”, completa Alaíde.

Para Alaíde, esse é o momento ideal para startups e outras empresas “pegarem carona” nesse crescimento, e tornarem-se pioneiras no mercado. “Quem, por exemplo, consolidar a oferta competitiva de análises de curvas de crescimento de filhotes, avaliações de controle de PH urinário em gatos e digestibilidade dos alimentos, pode se consagrar precursor”, exemplifica Alaíde.

Para a executiva da Capri Venture, 2022 foi o ano em que muitas empresas emergentes conseguiram validar soluções que têm auxiliado o crescimento do mercado pet, integrando o segmento cada vez mais às novas tecnologias.

Para 2023, ela diz que é possível prever mais tendências para o setor. “Serão mudanças graduais e não da noite para o dia. De qualquer forma, evidenciarão um “chão” mais firme para pisar”, conclui Alaíde Barbosa.



+ Notícias

Como será o consumo no Brasil em 2023? 

Carrefour e a importância da Inteligência Artificial em bots para CX 

 

Recomendadas

MAIS MATÉRIAS

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]

SUMÁRIO – Edição 282

As relações de consumo acompanham mudanças intensas e contínuas na sociedade e no mercado. Vivemos a era do pós-consumidor, mais exigente e consciente e, sobretudo, mais impaciente, mais insatisfeito e mais intolerante com serviços ruins, falta de conveniência, serviços deficientes e quebras de confiança. Mais do que nunca, ele é o centro de tudo, das decisões, estratégias e inovações. O consumidor é digital sem deixar de ser humano, inovador sem abrir mão do que confia, que critica sem consumir, reclama sem ser cliente, questiona sem conhecer. Tudo porque esse consumidor quer exercer um controle maior sobre suas escolhas e decisões. Falamos de um consumidor que quer respeito absoluto pela sua identidade – ativista, consciente, independentemente de gênero, credo, idade, renda. Um consumidor com o poder de disseminar ideias, que rapidamente se organiza em redes orquestradas capazes de mobilizar corações, mentes e manifestações a favor ou contra ideias, campanhas, marcas, empresas. Ele cria tendências e as descarta na velocidade de um clique. Acompanhar cada passo dessa evolução do consumidor é um compromisso da Consumidor Moderno, agora cada vez mais uma plataforma de distribuição de insights e conteúdo multiformato, com o melhor, mais completo, sólido e original conhecimento sobre comportamento do consumidor e inteligência relacional, ajudando executivos de empresas que tenham a missão de fazer a gestão eficaz de comunidades de clientes a tomar melhores decisões estratégicas. A agenda ESG, por exemplo, que finalmente ganha relevo na agenda corporativa, ocupa nossa linha editorial há muito tempo, porque já a entendíamos como exigência do consumidor no limiar da era digital. Consumidor Moderno também procura mostrar o que há de mais avançado em tecnologias, plataformas, aplicações, processos e metodologias para operacionalizar a gestão de clientes de modo eficaz, conectando executivos e lideranças em um ecossistema virtuoso de geração de negócios e oportunidades.

Concepção da capa:
Camila Nascimento


Publisher
Roberto Meir

Diretor-executivo de Conhecimento
Jacques Meir
[email protected]

Diretora-executiva
Lucimara Fiorin
[email protected]

COMERCIAL E PUBLICIDADE
Gerentes-comerciais
Andréia Gonçalves
[email protected]

Daniela Calvo
[email protected]

Érica Issa
[email protected]

NÚCLEO DE CONTEÚDO
Head
Melissa Lulio
[email protected]

Editora-assistente
Larissa Sant’Ana
[email protected]

Repórteres
Bianca Alvarenga
Cecília Delgado
Jade Lourenção
Jéssica Chalegra
Júlia Fregonese
Lara Madeira
Marcelo Brandão

Head de Arte
Camila Nascimento
[email protected]

Designer
Melissa D’Amelio

Revisão
Elani Cardoso

MARKETING
Coordenadora
Mariana Santinelli

TECNOLOGIA
Gerente

Ricardo Domingues

CX BRAIN
Data Analyst
Camila Cirilo
[email protected]


CONSUMIDOR MODERNO
é uma publicação da Padrão Editorial Eireli.
www.gpadrao.com.br
Rua Ceará, 62 – Higienópolis
Brasil – São Paulo – SP – 01234-010
Telefone: +55 (11) 3125-2244
A editora não se responsabiliza pelos conceitos emitidos nos artigos ou nas matérias
assinadas. A reprodução do conteúdo editorial desta revista só será permitida com
autorização da Editora ou com citação da
fonte. Todos os direitos reservados e protegidos pelas leis do copyright, sendo vedada a
reprodução no todo ou em parte dos textos
publicados nesta revista, salvo expresso
consentimento dos seus editores.
Padrão Editorial Eireli.
Consumidor Moderno ISSN 1413-1226

NA INTERNET
Acesse diariamente o portal
www.consumidormoderno.com.br
e tenha acesso a um conteúdo multiformato
sempre original, instigante e provocador
sobre todos os assuntos relativos ao
comportamento do consumidor e à inteligência
relacional, incluindo tendências, experiência,
jornada do cliente, tecnologias, defesa do
consumidor, nova consciência, gestão e inovação.

PUBLICIDADE
Anuncie na Consumidor Moderno e tenha
o melhor retorno de leitores qualificados e
informados do Brasil.

PARA INFORMAÇÕES SOBRE ORÇAMENTOS:
[email protected]