“Inovar não é fazer melhor. É fazer diferente”, diz especialista do Google

Apresentação do executivo do Google foi feita durante o Congresso Nacional das Relações Empresa-Cliente para convidados da empresa de contact center Flex

Por: - 10 meses atrás

“O mundo está mudando muito rápido. Já não será o grande que vencerá o pequeno, mas sim o mais rápido que vencerá o mais lento”. A frase, de Rupert Murdoch, fundador da News Corporation – um dos maiores grupos de mídia do mundo – foi citada por Antonio Chaddad Fernandes, head de soluções do Google Cloud em uma palestra para convidados da Flex. A apresentação aconteceu durante o CONAREC, o maior evento de relacionamento empresa-cliente do mundo.

Para o especialista, o primeiro passo para quem quer ser inovador é entender de cultura de inovação.  “Em 30 anos, mudamos as ferramentas, mas o processo de trabalho manteve-se o mesmo. Será que o seu cliente percebeu que você ‘virou digital’?”, questionou Fernandes. “Inovar não é fazer melhor. É fazer diferente. Não é melhorar processos, mas sim eliminá-los”.

Fernandes destacou ainda a importância de olhar com atenção para as ferramentas de trabalho. Segundo ele, muitas informações confidenciais são compartilhadas via Whatsapp, Gmail e Dropbox sem preocupação com a segurança de dados. “Pesquisas mostram que apenas 15% das pessoas preferem a tecnologia do trabalho ao invés daquela que têm em casa. As pessoas também esperam mais do smartphone do que do desktop”, diz o executivo.

Na medida em que todos trabalham de vários lugares e a partir de diversos dispositivos, é cada vez maior a preocupação das empresas em relação à produtividade dos funcionários e com o compromisso das empresas de tecnologia em simplificar a vida no escritório.

“Quanto mais tecnologias criamos para simplificar a vida das pessoas, mais complexo se torna o nosso trabalho”, disse Topázio Neto, presidente da Flex. Com o suporte do Google, a empresa de contact center vem conseguindo não só integrar e compartilhar soluções como ganhar escala e velocidade nas tomadas de decisão.

Confira aqui a cobertura completa do CONAREC